Austrália: Sinner surpreende o mundo e elimina Djokovic nas meias-finais
Djokovic e Sinner (Imago)

Austrália: Sinner surpreende o mundo e elimina Djokovic nas meias-finais

TÉNIS26.01.202408:07

Italiano chega pela primeira à final de um Slam

O sérvio Novak Djokovic perdeu esta madrugada nas meias-finais do Open da Austrália, com o italiano Jannik Sinner, em quatro sets. Sinner, 22 anos, 4.º do ranking Mundial, venceu por 6-1, 6-2, 6-7 (6-8) e 6-3 em 3h22, e é primeiro italiano a chegar a esta final.

O número 1 Mundial falha assim a defesa do título e vê uma série de 33 vitórias interrompida, sendo que não perdia ali desde 2018, nos oitavos de final. 

Foi cedo que o italiano deu mostras de estar forte, vencendo os dois primeiros sets por 1-6, 2-6 (36 e 39 minutos respetivamente). O sérvio de 36 anos respondeu ao conquistar o terceiro set por 7-6 (8-6) (1h18), salvando um matchpoint com 5-6.

Sinner acabaria por vencer o quarto set por 3-6, depois de quebrar serviço para 3-1, não desprdiçado o matchpoint a 5-3.

De resto, Sinner já 'avisado' ao derrotar Djokovic por duas vezes em novembro, na fase de grupos das ATP Finals e na Taça Davis.

O sérvio falha assim a possibilidade de chegar à 11.ª vitória no primeiro Grand Slam da temporada, o que lhe teria permitido igualar o recorde de Margaret Court. 

Na final, Sinner, vai defrontar o vencedor da meia final entre o russo Daniil Medvedev, terceiro do mundo, e o alemão Alexander Zverev, sexto.

(atualizado às 8.19 horas)