Ressacas europeias maioritariamente positivas
A única derrota do SC Braga após confronto jogo europeu foi diante do Famalicão na 1.ª jornada. Foto: Imago

Ressacas europeias maioritariamente positivas

NACIONAL13.12.202319:03

SC Braga soma apenas uma derrota após os embates na Liga dos Campeões; Rotatividade feita por Artur Jorge ao longo da época pode ser benéfica para o jogo de domingo contra o Benfica

O SC Braga terminou a participação na Liga dos Campeões, sendo relegado para a Liga Europa, mas não há tempo para grandes análises, pois no próximo domingo (20.30 horas) há jogo, em casa, frente ao Benfica, na 14.ª jornada da Liga. Até ao momento, as ressacas europeias têm sido maioritariamente positivas, com os bracarenses a somarem apenas uma derrota, após compromissos internacionais, e foi logo na primeira pré-eliminatória em que participou.

Tradicionalmente, e muitos treinadores frisam isso mesmo ao longo dos anos, as partidas a seguir às provas europeias são complicadas, mas Artur Jorge e o SC Braga provam o contrário, sendo que pretendem dar continuidade a isso mesmo já este domingo. Só o desaire caseiro com o Famalicão (1-2), na 1.ª jornada, que sucedeu à 1.ª mão da 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões, igualmente na Pedreira, com o Backa Topola, é prova em contrário.

Depois da 2.ª mão desta eliminatória, os bracarenses ganharam em Chaves (4-2), sendo que a seguir aos jogos com o Panathinaikos - playoff Champions - surgiu um empate caseiro (1-1), frente ao Sporting. Já na fase de grupos da prova milionária somou sempre vitórias após os confrontos europeus, com exceção para a empate no reduto do Gil Vicente (3-3) na 9.ª jornada da Liga que sucedeu à derrota com o Real Madrid (1-2), em casa.

Ainda assim, o SC Braga ganhou na receção ao Boavista (4-1), igualmente em casa ao Rio Ave (2-1), na deslocação a Arouca (1-0) e na Pedreira frente ao Estoril, por 3-1.

No geral, a equipa tem correspondido do ponto de vista mental, pois nem sempre é fácil transitar de uma prova em que a motivação é natural para as ligas domésticas, mas também físico, sendo que a rotação promovida por Artur Jorge tem ajudado bastante e o plantel, vasto e rico, tem correspondido.