Jogador do Brentford deixa agente após críticas à nova treinadora adjunta do Union Berlim
Kevin Schade, avançado do Brentford (IMAGO / Action Plus)

Jogador do Brentford deixa agente após críticas à nova treinadora adjunta do Union Berlim

INTERNACIONAL21.11.202316:49

«Por favor, Union, não façam o futebol alemão parecer ridículo», escreveu Maik Barthel nas redes sociais. Marco Grote é o novo treinador interino do Union Berlim, após a saída de Urs Fischer, e terá como adjunta Marie-Louise Eta, que se torna na primeira mulher a fazer parte de uma equipa técnica de um clube da Bundesliga

Kevin Schade, avançado alemão do Brentford, anunciou que deixou de ser agenciado por Maik Barthel, após críticas a Marie-Louise Eta, nova treinadora adjunta do Union Berlim.

«Um adjunto tem de estar no balneário, Union? Por favor, não façam o futebol alemão parecer ridículo. Já bastava que a hierarquia da equipa tivesse sido destruída pelas transferências», apontou o agente, que acabou por eliminar a publicação e escrever nova mensagem: «Tenho de reformular. Fazer de um adjunto um problema não vai ajudar o Union a colocar a hierarquia do clube em ordem novamente.»

Schade, em declarações à Sky Sport, referiu que não pensa da mesma forma que o agente e decidiu seguir outro caminho: «Não partilho o pensamento dele e não podia não agir.»

0