Josué detido: governo polaco pede explicações aos Países Baixos após confusão em Alkmaar
Josué é capitão do Legia
Foto: IMAGO

Josué detido: governo polaco pede explicações aos Países Baixos após confusão em Alkmaar

INTERNACIONAL06.10.202311:41

O primeiro-ministro polaco, Mateusz Morawiecki, pediu «ação diplomática urgente» depois do tratamento que a equipa do Légia Varsóvia recebeu nos Países Baixos, após o jogo com o AZ Alkmaar, em que foram detidos o capitão Josué e o sérvio Pankov.

«Há relatos perturbadores que chegam de Alkmaar. Pedi ao Ministério dos Negócios Estrangeiros ação diplomática urgente para verificar os acontecimentos de ontem à noite. Os jogadores e os adeptos polacos devem ser tratados em conformidade com a lei. Isso não deve ser quebrado», escreveu na rede social X.

O Légia, que seguiu para a Polónia sem os dois jogadores, que ficaram detidos, prometeu para esta tarde uma conferência de imprensa: «Devido aos acontecimentos escandalosos após o jogo contra o AZ Alkmaar, o presidente  Dariusz Mioduski dará uma conferência de imprensa no estádio.»