Destaques V. Guimarães: Apoiados no inesgotável Jota Silva
Jota Silva tem sido uma das figuras da época dos vimaranenses (IMAGO)

Destaques V. Guimarães: Apoiados no inesgotável Jota Silva

NACIONAL11.02.202422:41

Extremo português foi, mais uma vez, muito combativo e assistiu André Silva para o segundo do Vitória. Tomás Handel e Tiago Silva também estiveram muito bem no meio-campo dos vimaranenses.

No Vitória de Guimarães, Tiago Silva muito experiente e habituado a estes clássicos, foi procurando pegar na bola, com calma e certeza nos passes. Também se envolveu nas habituais lutas a meio-campo, travando as investidas do Benfica. O médio fez o 1-0 no encontro, com um penálti batido de forma exemplar. Charles muito atento, realizou um bom par de defesas, tendo sempre em conta a chuva e afastando o perigo. Toni Borevkovic demonstrou, mais uma vez, que a concentração é um dos seus pontos fortes, tendo sido imperial no jogo aéreo e muito eficaz nas dobras feitas aos companheiros, mas acabou por borrar a pintura toda com uma entrada muito dura e o consequente cartão vermelho direto. Nuno Santos foi procurando desestabilizar a defensiva encarnada, pelo lado esquerdo e, na 1.ª parte, fez um remate espetacular para uma grande defesa de Trubin. Tomás Handel tem muita qualidade no seu pé esquerdo, mas é o seu espírito combativo e de entrega que faz toda a diferença no meio-campo vimaranense, estando presente em vários confrontos e ganhando a maioria. Ricardo Mangas esteve mais atento às tarefas defensivas do que é normal, não se aventurou tanto nas subidas pelo flanco esquerdo, mas esteve bem no encontro, juntando-se aos centrais quando necessário e ajudando a suster o ataque encarnado. André Silva batalhou entre os centrais dos encarnados, desceu para dar opções de passe como tão bem faz. Não teve assim tantas hipóteses de alvejar a baliza adversária, mas na verdadeira oportunidade que teve para colocar a bola no fundo das redes, assim o fez com um toque subtil com o seu pé esquerdo.

A figura: Jota Silva (nota 7).

O extremo fez uma partida bem ao seu estilo, apesar de ter feito condicionado com um cartão amarelo, logo muito cedo no encontro (8’). Combativo, fisicamente inesgotável e sempre pronto para arrancar em aceleração em direção à baliza contrária. Fez a assistência para o golo de André Silva 2-1 e pouco depois podia ter sentenciado o encontro, mas falhou no frente-a-frente com Trubin.

As notas dos jogadores do V. Guimarães: Charles (6); Jorge Fernandes (6), Toni Borevkovic (5) e Tomás Ribeiro (5); Bruno Gaspar (5), Tomás Handel (6), Tiago Silva (6) e Ricardo Mangas (5); Jota Silva (7), Nuno Santos (6) e André Silva (6). Suplentes: Manu Silva (5), Zé Carlos (-) e Nélson Oliveira (-).