Nadal: «A dor é no mesmo sítio, mas a sensação é diferente»

Nadal: «A dor é no mesmo sítio, mas a sensação é diferente»

TÉNIS05.01.202415:44

Tenista espanhol foi assistido à anca esquerda durante o jogo com Jordan Thompson

Rafael Nadal assustou (e assustou-se!) nesta sexta-feira ao pedir assistência médica durante o jogo com Jordan Thompson, dos oitavos de final do torneio de Brisbane, na Austrália.

No terceiro jogo desde o regresso à competição, após cerca de um ano parado devido a lesão e operação à anca esquerda, o tenista espanhol queixou-se da mesma zona do corpo, o que fez soar os alarmes entre os adeptos da modalidade.

No final do encontro, porém, Nadal tranquilizou todos. Ou deu pelo menos uma mensagem de esperança de que não seja nada de grave.

«A dor é no mesmo sítio, mas sinto que é algo mais muscular, motivado pelo cansaço. No ano passado foi o tendão e a sensação foi completamente diferente porque doía muito. Hoje não senti nada parecido, mas claro que assusta por ter sido no mesmo sítio», começou por dizer. 

«Espero que tenha sido apenas uma sobrecarga muscular, depois de alguns dias a jogar e de uma partida tão dura como a de hoje. Já disse várias vezes que o meu objetivo é ser competitivo dentro de alguns meses», acrescentou.

Nesse sentido, o maiorquino desvalorizou a derrota e refere que o mais importante será a forma como se vai sentir nos próximos dias.

«Já disse que não vim aqui [Austrália] para ganhar torneios. Vim para jogar ténis o melhor possível. Espero sentir-me melhor nos próximos dias, caso contrário farei exames para perceber o que se passa», concluiu.