O efeito Daniel Sousa no Arouca
Daniel Sousa ainda não perdeu como treinador do Arouca. Foto: Gil Vicente

O efeito Daniel Sousa no Arouca

NACIONAL29.12.202322:18

No primeiro mês como técnico dos 'lobos', conseguiu tirar a equipa dos lugares de despromoção e ainda não perdeu; 13 golos em quatro jogos para o campeonato reforçam ciclo positivo vivido pela equipa

«A minha ideia e forma de estar no futebol é pensar sempre a partir do golo». Esta é a fórmula que Daniel Sousa vem repetindo em todas as conferências de antevisão aos jogos e que parece estar a ter resultados dentro do seio dos lobos. 

Desde que assumiu o comando técnico dos arouquenses, a 26 de novembro, o treinador tem conseguido alavancar a equipa para o retorno às boas exibições e para uma capacidade de faturação que acrescentou 10 pontos à tabela classificativa e uns exuberantes 13 golos à lista de finalizações, tudo isto em apenas quatro jornadas da Liga.

Um mês em cheio que não só retirou a equipa do último lugar da tabela como a colocou na próxima ronda da Taça de Portugal, ao afastar o Boavista. A recuperação do todo o terreno que é Kouassi, a versatilidade de David Simão e Sylla e uma armada espanhola demolidora onde reinam Mújica, Cristo e Jason têm ajudado substancialmente à metáfora já confessada pelo treinador dos lobos da Serra da Freita: a de querer ver a equipa como um porta-aviões pronto para a luta em todos os estádios. Nesta altura, as provas vão confirmando a força do coletivo e a qualidade individual do plantel arouquense.