Luto no futebol argentino com morte de jogador de 25 anos

Argentina Luto no futebol argentino com morte de jogador de 25 anos

INTERNACIONAL26.07.202318:55

O Atletico Tucuman, clube da primeira divisão argentina, anunciou esta quarta-feira, 26 de julho, a lamentável morte do jovem guarda-redes argentino Daniel Ibañez, de 25 anos, que pertence ao quadro do Atlético Tucuman B e estava cedido ao Chacaritas, equipa da divisão secundária do Equador.

Foi ainda o presidente da Liga Pro do Equador, Miguel Ángel Loor, que confirmou a infeliz notícia da súbita morte de Daniel Ibáñez.

O guarda-redes, de 25 anos, vinha trabalhando com toda a normalidade durante semana, até que nas últimas horas se queixou de dores muito fortes e foi hospitalizado. A morte parece ter tido causa num problema polmunar.

«Recebi a triste informação que o jogador Daniel Ibañez, do Chacaritas FC, morreu esta manhã, em Ambato. Estamos profundamente comovidos com esta tragédia», escreveu o presidente da Liga Pro na conta oficial no Twitter.

O dirigente anunciou ainda que o Chacaritas tinha prevista jogar esta quarta-feira frente ao Cuniburo, para a 22.ª jornada da série B, mas perante a situação a partida será suspensa.

Em Ambato, cidade com cerca de 150 mil habitantes na zona centro do Equador, os media locais explicam que Ibáñez não tinha problemas no seu historial médico, pelo que a morte do jovem jogador foi um choque!

Ibáñez formou-se no Atlético de Tucumán, onde chegou a ser guarda-redes de reserva, mas sem nunca ter chegado a estrear-se na Primeira Divisão.

No início deste ano aceitou o desafio de ser emprestado à equipa equatoriana, onde se afirmou, conseguindo jogar 21 partidas na segunda dividão do país.

Ibañez vivia com a companheira e a filha de ambos.

Vídeos

shimmer
shimmer
shimmer
shimmer