Golos, expulsões e reviravoltas: Copenhaga vence Manchester United em jogo de loucos. Bayern convence e garante apuramento para os oitavos de final
Foto IMAGO/Bildbyran

Golos, expulsões e reviravoltas: Copenhaga vence Manchester United em jogo de loucos. Bayern convence e garante apuramento para os oitavos de final

INTERNACIONAL08.11.202322:19

Dinamarqueses batem ingleses, em jogo que começou controlado pelos «red devils», mas que a expulsão de Rashford tornou num turbilhão de golos e trocas de vencedor até aos últimos minutos. O Bayern demorou a marcar, mas (o inevitável) Harry Kane bisou para dar os três pontos e o apuramento aos bávaros.

O Copenhaga recebeu e venceu o Manchester United por 4-3, na quarta jornada da Liga dos Campeões.

O Manchester United controlou totalmente os dinamarqueses durante quase toda a primeira parte, chegando à vantagem por 2-0, com dois golos de Hojlund. Aos 42 minutos, Rashford é expulso e o jogo muda totalmente.

Com mais um em campo e com 13 minutos de compensação, o Copenhaga aproveitou para pressionar os red devils e, aos 45' e 45+9', Diogo Gonçalves assistiu e marcou, de grande penalidade, para repôr a igualdade. Estava lançado o jogo ao intervalo.

A segunda parte foi dominada pelo Copenhaga que, ainda assim, não consegui criar perigo. Assim, sujeitou-se aos contra-ataques dos ingleses. À passagem do minuto 68, o árbitro marca novo penálti, desta feita, para os visitantes. Da marca dos 11 metros e contra a corrente do jogo, Bruno Fernandes não vacilou.

Os últimos 20 minutos foram dominados pelo Copenhaga, cada vez mais, e, aos 83 minutos, Lerager aparece ao segundo poste para empatar. Tal como havia acontecido no primeiro tempo, o golo catapultou a equipa animicamente e, quatro minutos depois, foi Bardghji, a apanhar uma bola perdida na área, para fechar o marcador.

Após este jogo, que teve sete golos, duas trocas de líder, duas reposições da igualdade, uma expulsão e dois penáltis, o Manchester United está em último, com três pontos. O Copenhaga está agora em segundo, em igualdade pontual com o Galatasaray, com quatro, que perdeu contra o Bayern Munique, por 2-1.

O nulo no marcador só se desfez à passagem do minuto 80, por Harry Kane. O avançado, que aumentou a vantagem seis minutos depois, confirmou o domínio bávaro em toda a partida, e nem o golo de Bakambu assistido por Sérgio Oliveira foi suficiente para tirar os três pontos aos alemães que, desta maneira, confirmaram o apuramento para os oitavos de final.

Kane apontou os 18.º e 19.º golos ao serviço do Bayern em apenas 15 partidas. O conjunto de Thomas Tuchel alarga para 17 o número de vitórias consecutivas na fase de grupos da Liga dos Campeões, assim como o número de partidas sem perder, 38. Fica a preocupação com Jamal Musiala, que saiu lesionado pouco antes do intervalo, mas ainda sem notícias sobre o seu estado físico.

Termina a partida! O Copenhaga vence o Manchester United por 4-3, num jogo cheio de reviravoltas e emoção!

Vão ser disputados 5 minutos de tempo adicional.

87' Golo do Copenhaga! Reviravolta no marcador! Depois de ressaltos na área do Manchester United, a bola sobra para Bardghji, solto de marcação, que finaliza de pé esquerdo para colocar os dinamarqueses na vantagem do marcador.

84' Substituição no Manchester United. Sai Rasmus Hojlund, entra Mason Mount.

83' Golo do Copenhaga! No momento de pressão da equipa da casa, um grande cruzamento de Falk, encontra Lerager ao segundo poste, que vence Diogo Dalot no duelo físico e finaliza para o 3-3.

78' Dupla substituição no Copenhaga. Saem Vavro e Achouri, para a entrada de Boilesen e Larsson

73' Dupla alteração no Copenhaga. Saem Diogo Gonçalves e Ankersen, entram Sorensen e Oskarsson.

69' Golo do Manchester United! Bruno Fernandes bate de forma indefensável para Grabara, para repôr a vantagem dos red devils no marcador.

68' Penálti para o Manchester United! Bruno Fernandes assume a marcação.

66' O jogo é interrompido por possibilidade de penálti para o Manchester United. O árbitro vai ver as imagens.

63' Substituição para o Copenhaga. Sai Elyounoussi, entra Bardghji.

60' Diogo Gonçalves remata forte de meia distância, à figura de Onana.

52' Contra-ataque conduzido por Garnacho, que solta em Diogo Dalot. O internacional português remata ao primeiro poste, para defesa de Grabara.

46' Ao intervalo, o Manchester United fez uma substituição. Entra Sofyan Amrabat, para o lugar de Eriksen.

Começa a segunda parte em Copenhaga!

Termina a primeira parte em Copenhaga! Durante o primeiro tempo, o Manchester United dominou e vinha a mostrar controlo na partida, até à expulsão de Rashford. A partir daí, o Copenhaga cresceu e os red devils, desconcentrados e destabilizados, permitiram os dois golos da equipa da casa, que soube aproveitar bem o ímpeto, quer da expulsão, quer do primeiro golo. Destacam-se as exibições de Diogo Gonçalves, que marcou e assistiu os golos do Copenhaga, e de Hojlund, que apontou os dois tentos dos visitantes.

45+9' Golo do Copenhaga! Depois de assistir para o primeiro golo, Diogo Gonçalves assumiu a marcação da grande penalidade e, na cara de Onana, não desperdiçou a oportunidade de repôr a igualdade no marcador.

45+8' Grande penalidade para o Copenhaga! Mão na bola dentro de área dá penálti, que Diogo Gonçalves baterá.

45+2' Grande oportunidade para o Manchester United! McTominay coloca na área, Bruno Fernandes assiste Garnacho, mas o argentino não alcança a bola, graças ao corte de Denis Vavro.

Vão ser jogados 13 minutos adicionais.

45' Golo do Copenhaga! Peter Ankersen cruza largo, Diogo Gonçalves cruza de primeira para o coração da área e encontra Elyounoussi, que finaliza de primeira para reduzir a desvantagem.

44' Grande oportunidade para o Copenhaga! Na sequência da falta que origina a expulsão de Rashford, Diogo Gonçalves cobra o livre direto à trave da baliza de Onana.

42' Expulsão para o Manchester United! Após consultar as imagens do VAR, o árbitro Donatas Rumsas decide mostrar o vermelho direto a Marcus Rashford, por entrada perigosa sobre Elias Jelert, que ainda está a ser assistido.

40' Novo contra-ataque do Manchester United cria perigo, mas Hojlund não consegue finalizar com perigo.

A primeira meia hora de jogo revela um Manchester United diferente daquilo que tem apresentado: pressão mais elevada, com mais urgência, e melhor definição nos momentos-chave. O Copenhaga, por seu turno, acusou o golo sofrido logo a abrir e, até agora, não teve oportunidades de verdadeiro perigo para chegar ao empate.

29' Dupla oportunidade para o Manchester United, com mais uma grande defesa de Grabara. No canto seguinte, Maguire cabeceia à figura do guardião dos dinamarqueses.

28' Golo do Manchester United! Bisa Hojlund! Bruno Fernandes recupera a bola a meio-campo e lança o contra-ataque, com passe para a desmarcação de Garnacho. O argentino remata para defesa incompleta de Grabara e, «à ponta-de-lança», o avançado dinamarquês aparece no sítio certo para encostar para o 2-0.

15' Jonny Evans lesionou-se e tem de ser substituído. Entra Raphael Varane para o seu lugar.

12' Primeira oportunidade de perigo para o Copenhaga. Falk Jensen remata de fora de área para defesa atenta de Onana.

3' Golo do Manchester United! Jogada pela direita do ataque dos red devils, Wan Bissaka descobre McTominay, que cruza rasteiro para Rasmus Hojlund. A «jogar em casa», o dinamarquês abre o marcador.

Começa a partida em Copenhaga!

O onze do Copenhaga: Diogo Gonçalves é titular.

O onze do Manchester United: Bruno Fernandes e Diogo Dalot jogam de início.