CD instaura processo ao Boavista
Vítor Murta, presidente do Boavista. Foto: IMAGO

CD instaura processo ao Boavista

NACIONAL02.01.202419:18

Em causa «eventual incumprimento na entrega de documentação relacionada com controlo de execução orçamental»; clube diz que situação está regularizada

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol instaurou um processo disciplinar ao Boavista «tendo por objeto eventual incumprimento na entrega de documentação relacionada com controlo de execução orçamental. O processo foi enviado, dia 29 de dezembro de 2023, à Comissão de Instrutores da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, ficando excluída a publicidade até ao fim da instrução», indica o CD da FPF.

De acordo com o que A BOLA apurou, a situação já foi regularizada pelo emblema do Bessa e deveu-se ao atraso na apresentação das contas de 2022/23 devido à Oferta Pública de Aquisição (OPA) lançada pela Jogo Bonito, sociedade controlada por Gérard Lopez, sobre os 49,22% do capital da SAD do Boavista.