AVB: «Temos um presidente histórico, que será sempre honrado, mas é preciso olhar para o nosso futuro»
Candidato à presidência dos dragões esteve em campanha pelas Caldas da Rainha. (Foto: A BOLA)

AVB: «Temos um presidente histórico, que será sempre honrado, mas é preciso olhar para o nosso futuro»

NACIONAL04.04.202421:05

André Villas Boas demonstrou gratidão pelo trabalho de Pinto da Costa, mas diz que chegou a hora de mudança; se tudo continuar na mesma, «o futuro está cada vez mais em risco», diz; a preparação para este projeto e o espírito de missão

As últimas semanas têm trazido à realidade portista várias trocas de galhardetes entre Jorge Nuno Pinto da Costa e André Villas-Boas, mas, esta quinta-feira, o candidato a destronar o líder dos dragões colocou alguma água na fervura nesse registo.

Pese embora algumas críticas que reforçou à gestão de Pinto da Costa, a verdade é que André Villas-Boas também soube reconhecer mérito ao seu adversário eleitoral do próximo dia 27. No entanto, na ótica do antigo técnico dos azuis e brancos, chegou a hora de haver uma mudança no seio do FC Porto.

«Acho que é altura do FC Porto se lançar para uma nova fase da sua vida. Temos um presidente histórico, que será para sempre honrado, mas é preciso continuar a criar equipas competitivas e olhar para o nosso futuro, que está cada vez mais em risco».

AVB frisou que a sua candidatura foi devidamente ponderada e amadurecida e enalteceu todos aqueles que tem na sua lista e que, defende, encaram este projeto com o mesmo espírito: «Durante os últimos dois anos, desde que saí do Marselha, tenho-me dedicado a este projeto, à apresentação da minha candidatura, e tentei reunir-me das pessoas mais competentes possíveis que havia no mercado. Muitas destas pessoas saíram dos lugares onde estavam por este espírito de portismo e de missão, abandonando lugares seguros para construir um melhor FC Porto no futuro. Estão, por isso, imbuídas deste mesmo espírito que eu tenho.»

E por muito que o FC Porto seja um mundo extremamente abrangente, Villas Boas não esconde que o primeiro grande objetivo é regressar à glória no futebol.

«O FC Porto tem de encontrar-se rapidamente com o seu legado de vitórias sem igual. Esta candidatura é um sentido de responsabilidade e teremos sempre essa fonte de pressão se formos eleitos. A nossa grande aposta é o futebol, é lá que está o coração do FC Porto e a sua sustentabilidade financeira. Temos de continuar a ser competitivos, tanto no futebol profissional como na formação», atirou.

André Villas-Boas adiantou ainda que no próximo sábado será apresentado o responsável máximo das modalidades: «Nós somos um clube multidesportivo, eclético e temos a nossa vertente desportiva exigente, está-nos no sangue. Precisamos também de nos reestruturar no campo das modalidades.»

Vídeos

shimmer
shimmer
shimmer
shimmer