FIA investiga Toto Wolff e mulher por conflito de interesses
Susie e Totto Wolff (Foto: Laci Perenyi/IMAGO)

FIA investiga Toto Wolff e mulher por conflito de interesses

FÓRMULA 105.12.202323:54

Susie Wolff está à frente da Academia de Fórmula 1

A Federação Internacional do Automóvel (FIA) está a investigar Toto Wolff, o principal responsável da Mercedes, e a mulher Susie, que se encontra à frente da academia da Fórmula 1 como diretora-executiva, por alegado conflito de interesses e eventual troca de informação confidencial. A notícia foi avançada esta terça-feira pela Associated Press.

Susie tem normalmente acesso a dados confidenciais da Formula One Management, a principal empresa do grupo, que controla as transmissões televisivas, a organização e os direitos promocionais do Campeonato do Mundo, e poderia tê-los transmitido ao marido, colocando-o numa posição privilegiada quando comparado com todos os outros chefes de equipa.

Num curto comunicado, a FIA confirmou estar «a par da especulação mediática» e ainda que se encontra «a analisar o tema». A cúpula da própria Fórmula 1 já emitiu igualmente uma nota em que diz acreditar que «as alegações são erradas» por ter um sistema para precisamente contrariar este tipo de situações. A Mercedes veio também a público rejeitar «totalmente a alegação» do comunicado, e Susie disse-se «insultada» com as suspeitas.

Susie Wolff reporta diretamente ao chefe executivo da Fórmula 1 Stefano Domenicali.