Gyokeres de mãos dadas com o Sporting a bater recordes
Gyokeres (Sérgio Miguel Santos/ASF)

Gyokeres de mãos dadas com o Sporting a bater recordes

NACIONAL20.01.202409:00

Avançado igualou melhor registo pessoal de golos e ainda vamos a meio da época; desvaloriza cobiça e declarou-se aos adeptos; desde 1984/1985 que o ataque leonino não era tão eficaz

Um achado. É desta forma que muitos apontam a contratação de Gyokeres por parte do Sporting no início da presente temporada. O sueco, que deu nas vistas no Championship, com 22 jogos em 50 jogos na última época, está a fazer as delícias dos sportinguistas, e não só, já que os elogios ao desempenho do avançado, de 25 anos, surgem de todos os quadrantes.

O jogo com Vizela, na passada quinta-feira, em que os leões venceram, por 5-2, com um bis de Gyokeres serviu para o sueco bater mais um recorde: igualou o melhor registo pessoal de golos, e ainda só vamos a metade da época. E com os cinco golos apontados em Vizela, o Sporting também conseguiu ultrapassar uma marca: desde 1984/1985 que, à 18.ª jornada, os leões não tinham um ataque tão eficaz. Aliás, diga-se que neste período de duas décadas, esta é a sexta vez que os leões marcaram 40 ou mais golos decorridos 18 jogos do campeonato e, claro, para isso, muito contribuíram os que tiveram assinatura de Gyokeres, melhor marcador da equipa de Rúben Amorim. 

Golos do Sporting à 18.ª jornada

ÉpocaGolosPosição
1984/1985462.º
1995/1996402.º
2001/2002401.º
2004/2005402.º
2017/2018412.º
2023/2024451.º

E se o Sporting já teve avançados impactantes, casos de Jardel, Liedson e Bas Dost, num passado mais recente, importa ir mais atrás na historia dos matadores de Alvalade para colocar Gyokeres no patamar de números alcançados por restrito lote de jogadores, entre os quais Peyroteo, Sidónio, Fernando Puglia, Rogério de Sousa, Mário Wilson, Jordão e Manuel Fernandes.

Mas, Gyokeres não é só sinónimo de golo. O sueco tem mostrado a sua veia trabalhadora e capacidade de resistência, nos muitos quilómetros que percorre, a integração na forma de jogar da equipa, a abrangência que tem no meio-campo, servindo até de referência pela dinâmica que impõe. Não é um jogador egoísta, procura sempre o colega melhor posicionado para rematar à baliza e já leva nove assistências. 

 

ÉpocaClubeJogosGolos
2019/2020St. Pauli287
2020/2021Swansea121
2020/2021Coventry193
2021/2022Coventry4718
2022/2023Coventry5022
2023/2024Sporting2522

Elogios de Rúben Amorim

Não há conferência de Imprensa em que o nome de Gyokeres não seja mencionado, tal a importância que o jogador já adquiriu no seio leonino. Na última, após o encontro com o Vizela, destaque-se dois temas: a garantia de que não houve, para já nenhuma proposta concreta do Chelsea, por €85 milhões, e que não há nenhum Gyokeresdependência, mas sim um elo mais forte. 

«O [Hugo] Viana mandou-me mensagem depois da conferência de Imprensa [de antevisão ao jogo com o Vizela] e disse-me que não há qualquer proposta e, por isso, está no Sporting», afirmou Rúben Amorim. 

«Acho que nenhuma equipa está dependente de um jogador. Agora, acho é que é notória a influência que ele teve na nossa forma de jogar e na forma como somos mais perigosos com o Viktor, transforma a equipa e torna-a mais perigosa. Mas, sim, tem um tem um papel vital na nossa forma de atacar neste momento», realçou o treinador. 

Aquele brilho nos olhos

Gyokeres há muito que deixou os adeptos rendido às suas qualidades, mas o sentimento é recíproco. O_jogador já festejou com os adeptos, de camisola na mão a fazê-la rodopiar no ar, já os aplaudiu de uma ponta à outra dos estádios e o brilho nos olhos a transparecer as palavras que disse sobre o público leonino que gritava o seu nome enquando falava na flash interview em Vizela. Das bancadas ouvia-se: Gyo-ke-res, Gyo-ke-res. O avançado parou de falar, sorriu, apreciou o momento e questionado sobre o que estava a sentir, não hesitou: «Eles são incríveis, adoro-os!»

Sobre a cobiça de que está a ser alvo, desvalorizou: «Não penso muito nisso, foco-me apenas no Sporting a cem por cento, temos muitos jogos para fazer.»