«Fresneda pode passar pelo mesmo que o Esgaio e vem a tempo de ajudar»
Fresneda tem procurado titularidade na equipa leonina (IMAGO/Maciej Rogowski)

«Fresneda pode passar pelo mesmo que o Esgaio e vem a tempo de ajudar»

NACIONAL20.11.202317:00

Nélson, antigo lateral do Sporting, confiante na recuperação do espanhol

Fresneda não está a ter um percurso fácil no Sporting. Depois de apenas ter somado cinco jogos neste arranque de temporada, uma lesão prolongada bateu-lhe à porta e estima-se que volte apenas em Fevereiro.

A BOLA esteve à conversa com Nélson, antigo lateral-direito que representou os leões entre 1991/1992 e 1995/1996 e que acredita na recuperação do espanhol a tempo de ser opção até ao final da temporada: «Acho que o Fresneda pode passar pelo mesmo que o Esgaio. Eu recordo-me de que quando cheguei ao Sporting, as coisas não me correram bem e não foi por causa disso que deixei de ter uma carreira interessante lá. Fresneda vem muito a tempo de ajudar. Se o Sporting conseguir acumular campeonato, Taça de Portugal e Liga Europa vai ser muito importante no final ter todos os atletas ao mais alto nivel», sublinhou apesar de «depender muito da gravidade da lesão».

A verdade é que até agora as coisas não correram bem a Fresneda, mas Nélson não acredita que haja algum motivo específico: «Quando um jogador novo chega a um clube, o melhor é que as coisas corram bem para o coletivo e no caso dele foi ao contráro e foi por arrasto. Não comparo o Fresneda com o Porro, mas acho que, sendo um internacional espanhol, tem muito valor. Tem é de o comprovar na prática», assinalou.

Para já, a ausência está confirmada e uma ida ao mercado não está fora de hipótese: «Sinto que vai ser uma equação que os responsáveis vão ter, porque, para além disso, vamos ter CAN [Catamo deve representar Moçambique] e depende daquilo que Rúben Amorim vai querer para manter a competitividade na equipa», argumentou.

Com o regresso em vista no próximo ano, Nélson aponta a um fator decisivo para a afirmação de Fresneda nos leões e novamente com uma comparação ao caso de Esgaio: «Isso vai depender da própria evolução da equipa. Não vai ser fácil tirar o lugar ao Esgaio, mas acho que tudo isto no futebol muda muito rapidamente. O Esgaio, há uns anos atrás, teve um periodo terrivel e falava-se da sua saida do Sporting e agora esta de pedra e cal. Era importante o Fresneda estar no ativo e fazer concorrência. No meu ponto de vista, o Sporting vai continuar a ser competitivo e Esgaio leva vantagem sobre Fresneda, independentemente da lesão», explicou.

Um ano em que a equipa de Rúben Amorim disputa a Liga Europa com o antigo lateral a fazer votos de sucesso: «O Sporting tem sido uma equipa muitíssimo madura no campo com uma dinâmica muito ofensiva. Vejo-os a jogar até às fases finais. Não sei se pode ganhar ou não, mas no ano passado foi uma injustiça não ter passado à final da Liga Europa. Este ano, em termos ofensivos, o Sporting tem sido mais eficaz», destacou, alertando, contudo, para a falta de consistência defensiva dos leões.

Nas últimas 24 horas

Carlos Queiroz negoceia saída da seleção do Catar
«Falar de Cristiano Ronaldo na China é deles fazerem uma vénia»
Guardiola acredita em feito histórico: «A minha sensação é de que vamos ganhar a Liga»
Futebol14:33
Departamento médico? «Eu é que treino e eu é que perco!»
Futebol14:30
«O fardo» com que Sérgio Conceição tem de levar

Vídeos

Departamento médico? «Eu é que treino e eu é que perco!»
Futebol14:33
Departamento médico? «Eu é que treino e eu é que perco!»
«O fardo» com que Sérgio Conceição tem de levar
Futebol14:30
«O fardo» com que Sérgio Conceição tem de levar
Sérgio Conceição, o Estoril mais forte e as baixas na equipa
Futebol14:13
Sérgio Conceição, o Estoril mais forte e as baixas na equipa
Sérgio Conceicao analisa promessas do FC Porto
Futebol14:13
Sérgio Conceicao analisa promessas do FC Porto

Últimas Notícias

Carlos Queiroz negoceia saída da seleção do Catar
Carlos Queiroz negoceia saída da seleção do Catar
«Falar de Cristiano Ronaldo na China é deles fazerem uma vénia»
«Falar de Cristiano Ronaldo na China é deles fazerem uma vénia»
Guardiola acredita em feito histórico: «A minha sensação é de que vamos ganhar a Liga»
Guardiola acredita em feito histórico: «A minha sensação é de que vamos ganhar a Liga»
Departamento médico? «Eu é que treino e eu é que perco!»
Futebol14:33
Departamento médico? «Eu é que treino e eu é que perco!»