Farense: «O derby tem o significado de um jogo importante… como todos», considera José Mota
José Mota, treinador do Farense

Farense: «O derby tem o significado de um jogo importante… como todos», considera José Mota

NACIONAL11.01.202413:46

Treinador do Farense projetou o jogo com o Portimonense, que se realiza nesta sexta-feira, com início às 20:15h, no Portimão Estádio.

José Mota tem consciência da paixão que o derby com o Portimonense tem para os adeptos e sócios do Farense, mas, para si, o jogo desta sexta-feira será igual a todos os outros do campeonato. «Tem o significado de um jogo importante. Aqui nós não podemos ter mais responsabilidade num jogo e menos responsabilidade nos outros. Tem de ser em todos os jogos. É um derby, percebo perfeitamente que apaixona as multidões, nomeadamente os adeptos, sócios e simpatizantes dos dois clubes. Mas a nós compete-nos tentar alhearmo-nos um bocadinho desses fatores, sabendo perfeitamente a importância que este derby tem para as pessoas do Algarve», vincou o treinador na antevisão ao jogo.

«É importante que haja estes derbies, porque é um sinal inequívoco de que o Algarve está muito bem representado, com duas equipas na Liga e é muito bom para a região. Nós temos é de fazer aquilo que temos feito, dar o máximo de cada um de nós, e estando no nosso melhor, podemos ter um bom resultado. Também sabemos o que é que vale o adversário, com grande experiência de 1.ª liga e que vai estar focado em vários aspetos e mais um, que é a questão de ser um derby. E nós temos é que fazer tudo para dar uma alegria à nossa massa associativa e fundamentalmente para estarmos satisfeitos com o nosso comportamento. A equipa vai estar preparada para dar tudo e quando se dá tudo o que se tem, a mais não se é obrigado. Sei perfeitamente que os meus jogadores, a equipa técnica, todos nós vamos estar todos motivados para este derby», disse ainda sobre o duelo com o Portimonense, em que o treinador não vai poder contar com o trinco Cláudio Falcão, que está castigado, nem com o avançado Zé Luís, que se encontra lesionado.

O treinador voltou à vitória (1-0) do Farense sobre o Gil Vicente na última ronda, para realçar a importância da mesma, que quebrou uma série de quatro jogos consecutivos sem vencer. «Trabalhar sobre vitórias é bem mais fácil do que com derrotas. Embora este grupo, como já referi diversas vezes, trabalha muitíssimo bem e é muito concentrado, esta vitória com o Gil Vicente foi de extrema importância, como são todas, valem três pontos, mas dá-nos sempre mais confiança para encararmos sempre o próximo jogo. Estamos a trabalhar muitíssimo bem, numa semana tranquila em que os jogadores sentem responsabilidade. Sabemos perfeitamente aquilo que temos que fazer, eles (jogadores) têm tido comportamentos extraordinários e quando assim é nós estamos sempre mais confiantes em relação ao futuro», considerou.