Estrela da Amadora: António Filipe será reavaliado a possível lesão numa mão
António Filipe, guarda-redes do Estrela da Amadora, concentrado durante o aquecimento para um jogo pela Liga de futebol. Foto: Maciej Rogowski/Imago.

Estrela da Amadora: António Filipe será reavaliado a possível lesão numa mão

NACIONAL13.11.202320:49

Experiente guardião sentiu problema durante a semana que o afastou da receção ao Moreirense e continua queixoso, pelo que será reavaliado esta terça-feira para despistar o cenário de lesão e possível paragem

Uma das principais surpresas do último encontro realizado pelo Estrela da Amadora, mais precisamente a receção ao Moreirense, no último sábado (derrota por 1-0), passou pela ausência de António Filipe, que havia sido o titular na baliza nas últimas semanas depois de Bruno Brígido, titular desde a época transata, ter contraído um problema na rótula e sido obrigado a paragem prolongada.

Ao contrário do que aconteceu com Brígido, não foi o joelho mas sim uma das mãos que obrigou António Filipe a parar e a falhar a receção aos cónegos, promovendo assim a surpreendente estreia oficial do terceiro guardião, Wagner, que apenas havia cumprido uma partida em toda a temporada transata. O brasileiro saltou para a ribalta depois de o seu concorrente ter sido azarado num dos últimos treinos da semana no qual, revelou Sérgio Vieira na conferência de imprensa que se seguiu à derrota deste sábado, foi afetado por um «ressalto infeliz».

António Filipe, de 38 anos, terá sofrido um ressalto imprevisto da bola numa das mãos, o que lhe provocou, de imediato, dor e uma lesão traumática, relacionada com a pancada, que o afastou imediatamente do encontro ante o Moreirense. Depois, tal como o restante plantel, seguiu para dois dias consecutivos de folga e tem prometida uma reavaliação ao problema visto que, apurou A BOLA, o guardião continua a sentir dores, o que poderá indiciar uma lesão associada.

O Estrela da Amadora irá sujeitar António Filipe a exames complementares esta terça-feira, de forma a perceber se existe, ou não, lesão, aguardando assim para conhecer a extensão da recuperação  do atleta, que poderá ser mais curta caso se confirme que as queixas se relacionam apenas com a pancada ou, no pior dos cenários, obrigar a uma paragem e deixar a baliza dos tricolores mais limitada e restrita a apenas duas opções – o já referido Wagner e o sub-23 Edmilson Cambila, já inscrito na Liga de Clubes e presente na última convocatória.

António Filipe atravessava um momento particularmente interessante depois de ter ascendido à titularidade há pouco mais de um mês, dando muito boa conta de si e mantendo a baliza inviolada nos três encontros seguintes, ante Casa Pia, Vila Meã (Taça de Portugal) e Famalicão. Motivado, realizou depois excelente exibição na visita ao Sporting apesar de a equipa não ter conseguido evitar a derrota (3-2), tendo contribuído com várias intervenções de qualidade para um jogo bem conseguido dos tricolores frente a um dos líderes do campeonato.