E. Amadora regressa às vitórias e prolonga agonia do Boavista (veja o resumo)
Léo Jabá, do Estrela da Amadora, cumprimenta o público acompanhado por Léo Cordeiro (mais atrás) e elementos do staff do clube após um jogo pela Liga de futebol.

E. Amadora regressa às vitórias e prolonga agonia do Boavista (veja o resumo)

NACIONAL10.12.202317:21

Tricolores revelaram-se mais fortes que os axadrezados na segunda parte e garantiram o regresso aos triunfos; prolongado o momento negativo da pantera, que somou a quinta derrota consecutiva

Entre duas equipas que partilhavam sequências já longas sem obter vitórias e também uma grande quantidade de atletas indisponíveis por lesão, o Estrela da Amadora mostrou-se mais capaz e aproveitou o fator casa para derrotar o Boavista (3-1) e prolongar o mau momento desportivo dos axadrezados.

Todos os golos foram apontados na segunda parte, que se revelou bem mais interessante e profícua que a primeira, na qual foram escassas as situações de perigo, que se resumiram a duas finalizações de André Luiz (uma delas com êxito, mas invalidada por fora-de-jogo), pelo Estrela, e um livre direto em zona frontal de Salvador Agra.

No segundo tempo, os dois conjuntos mostraram maior sentido de baliza, em especial o conjunto da Reboleira, que abriu o marcador aos 53 minutos numa bela execução de Léo Jabá, de primeira e à entrada da área após receber solicitação de Ronald. O Estrela colocava-se na frente e obrigava o Boavista a correr maiores riscos, que trouxeram frutos aos 74’.

Martim Tavares, que havia sido lançado em jogo aos 60 minutos, precisou de menos de um quarto de hora para fazer a diferença e encostar para golo um primeiro desvio de Makouta, ao primeiro poste, após a cobrança de um pontapé de canto, e o jogo parecia relançado.

No entanto, o Estrela reagiu com prontidão e também aproveitou uma bola parada – um canto pela direita - para se recolocar na frente aos 78 minutos, tirando proveito da infelicidade de Abascal, em quem o cruzamento de Jean Felipe embateu para se encaminhar para o fundo das redes boavisteiras, proporcionando o 2-1.

O Estrela empolgava-se, as bancadas da Reboleira também e dessa forma ainda voltaria a marcar aos 84 minutos e novamente com uma finalização de belo efeito de Kikas, que não enjeitou a possibilidade de atirar de primeira a partir de posição centralizada na área como correspondência ideal para o cruzamento tirado por Régis, que colocou a bola a saltitar e a pedir um remate forte e colocado, como acabaria mesmo por suceder.

Estava consumado o 3-1 e o triunfo do Estrela, que assim regressou às vitórias ao fim de pouco mais de um mês, alcançando o Boavista (e também o Portimonense) na nona posição e prolongando a fase debilitada dos axadrezados, que somaram a quinta derrota de forma consecutiva em jogos a contar para a Liga.

Veja o resumo

Recorde abaixo as principais incidências do jogo

90+2': Martim Tavares voltou a aparecer com perigo, desta feita contando com oposição à altura de Wagner.

Tempo adicional: 6 minutos.

90': Ronaldo Tavares deposita a bola no fundo das redes, mas o lance já havia sido anulado. O ponta de lança, regressado de lesão, estava fora de jogo.

84': Golo do Estrela da Amadora! Que excelente pontapé de Kikas, que atacou, sem preparação, um cruzamento tirado pela direita e que pedia uma bomba - o avançado não se fez rogado e assinou o 3-1.

82': Dupla substituição no Boavista, com as entradas de Jeriel De Santis e Berna Conceição pelas saídas de Seba Pérez e Filipe Ferreira.

81': Substituição no Estrela da Amadora, com a entrada de Nkanyiso Shinga pela saída de Ronald.

79': Cartão amarelo para Seba Pérez (Boavista).

77': Golo do Estrela da Amadora! A igualdade não durou, afinal, mais que dois minutos: bola parada para os tricolores e Kikas surgiu muito bem na pequena área a condicionar a ação de Rodrigo Abascal, que desviou para a própria baliza e nova situação de vantagem para o Estrela.

76': Substituição no Estrela da Amadora, com a entrada de Ronaldo Tavares pela saída de João Reis.

74': Golo do Boavista! Martim Tavares não precisou de muito tempo em campo para ter impacto na partida e restabelecer a igualdade para os axadrezados, eficaz e mortífero como se pedia naquela posição, solto junto à baliza após um primeiro desvio de Gaius Makouta ao primeiro poste.

72': Cartão amarelo para Erivaldo Almeida (Estrela da Amadora).

67': Dupla substituição no Estrela da Amadora, com as entradas de Manuel Keliano e Régis pelas saídas de Vitó e Léo Jabá.

63'. Cartão amarelo para Kialonda Gaspar (Estrela da Amadora).

61': Dupla substituição no Boavista, com as entradas de Ilja Vukotic e Martim Tavares pelas saídas de Ibrahima Camara e Bruno Lourenço.

52': Golo do Estrela da Amadora! Léo Jabá justificou o regresso à titularidade após castigo e abriu o marcador com remate forte e colocado, de primeira, que não permitiu qualquer possibilidade de defesa a João Gonçalves. Estão na frente os tricolores.

46': Substituição do Estrela da Amadora na abertura da 2.ª parte, com a entrada de Kikas pela saída de André Luiz.

Começa a segunda parte!

Estrela da Amadora e Boavista procurarão fazer na segunda parte o que não foi possível alcançar na primeira...golos!

Intervalo na Reboleira, sem golos e poucas oportunidades

Foi sem grande surpresa que se chegou ao intervalo sem golos entre Estrela da Amadora e Boavista. Uma mão bastaria (e sobrariam dedos...) para contar as situações de finalização neste encontro e André Luiz até já conseguiu desviar com êxito para a baliza visitante, mas estava adiantado e o lance foi prontamente invalidado.

45+2': Após o golo invalidado, André Luiz voltou a conseguir visar a baliza adversária ao corresponder, já em esforço, de cabeça a um cruzamento tirado por Léo Jabá a partir da esquerda. A bola passou por cima, controlada por João Gonçalves.

38': Primeira situação de evidente perigo para o Boavista. Salvador Agra dispôs de um livre direto em zona frontal e atirou forte para defesa de recurso de Wagner, que concedeu canto para os axadrezados.

36': Cartão amarelo para Léo Cordeiro (Estrela da Amadora).

31': Cartão amarelo para André Luiz (Estrela da Amadora).

25': Cartão amarelo para Filipe Ferreira (Boavista).

24': O público da Reboleira levanta-se para celebrar o primeiro golo da tarde, por André Luiz, mas depressa voltou aos respetivos lugares: o árbitro auxiliar levantou a bandeirola por fora de jogo do brasileiro.

15': Luta-se muito por cada metro quadrado numa partida marcada, até ver, pelos duelos. Como consequência, as duas balizas encontram-se a salvo.

5': Pouco ainda se jogou até ao momento: três paragens para assistência retiram, para já, andamento ao desafio.

Início da partida!

Pontapé de saída já efetuado, e pelo Boavista. Os dois conjuntos apresentam os equipamentos pelos quais se notabilizam: o Estrela, vestido de tricolor, e o Boavista de xadrez.

Os dois capitães já se encontram no centro do relvado, na escolha de campo junto do juiz da partida, Iancu Vasilica (AF Vila Real). A partida irá iniciar-se dentro de poucos instantes.

Está desfeita a dúvida relativamente à defesa do Estrela da Amadora: nenhum dos centrais que têm estado entregues ao departamento clínico recuperou em tempo útil para o jogo. Johnstone Omurwa, Mansur e Pedro Mendes continuam de fora da convocatória, sabendo-se que Miguel Lopes foi sujeito a intervenção cirúrgica na passada semana. Desta forma, Hevertton volta a ser improvisado como central pelo lado direito.

Suplentes do Boavista: Tomé, Masaki Watai, Joel Silva, Ilija Vukotic, Jeriel De Santis, Gonçalo Almeida, Martim Tavares, Berna Conceição e Tiago Machado.

Suplentes do Estrela da Amadora: Edmilson, Régis, Ronaldo Tavares, Gustavo Henrique, Manuel Keliano, Nkanyiso Shinga, Kikas, Alioune Ndour e Manuel Figueiredo.

BOAVISTA: João Gonçalves, Pedro Malheiro, Rodrigo Abascal, Filipe Ferreira e Bruno Onyemaechi; Ibrahima Camara, Seba Pérez (c) e Gaius Makouta; Salvador Agra, Bruno Lourenço e Robert Bozenik.

ESTRELA DA AMADORA: Wagner Dida, Hevertton, Kialonda Gaspar (c) e Erivaldo Almeida; Jean Felipe, Léo Cordeiro, Vitó e João Reis; Léo Jabá, Ronald e André Luiz.

Já há equipas oficiais!

O Boavista atravessa um hiato de resultados ainda mais preocupante. O último triunfo do conjunto do Bessa teve lugar pela Taça de Portugal e há já mês e meio, sobre a UD Oliveirense (3-1) e a última vitória para a Liga já data de...setembro, quando derrotou o Desportivo de Chaves pela 5.ª jornada (4-1).

Apesar de não conquistar triunfos desde 29 de outubro, momento em que derrotou, igualmente na Reboleira (onde esta tarde volta a atuar), o Famalicão (1-0), o Estrela registou um empate moralizador na jornada anterior dadas as circunstâncias em que se apresentou frente ao Rio Ave. Nessa partida, os tricolores registaram dez ausências (nove lesionados e um castigado) e foi inclusivamente obrigado a adaptar um ala, Hevertton, ao eixo da defesa. Ainda assim, alcançou um ponto (1-1) que poderá servir como incentivo para a receção aos axadrezados).

Estrela da Amadora e Boavista estão próximos não apenas na tabela classificativa, como também comungam de momentos semelhantes no que diz respeito à falta de resultados - os amadorenses não vencem há mais de um mês, ao passo que os portuenses não somam vitórias para o campeonato há quase três meses - e também às muitas lesões que se refletem em muitas condicionantes e ausências em ambas as convocatórias.

Até ver, Estrela da Amadora e Boavista ocupam postos aparentemente confortáveis - os tricolores classificam-se no 12.º posto, com 12 pontos, a apenas três pontos dos boavisteiros, que somam 15 e se posicionam no nono lugar. No entanto, uma derrota poderá colocar os mais diretos perseguidores mais próximos e os lugares de despromoção logo ali... 

Será no Estádio José Gomes que se irá realizar um duelo com tradição no primeiro escalão do futebol nacional entre Estrela da Amadora e Boavista, pela 13.ª jornada da Liga: tricolores e axadrezados medem forças esta tarde (15.30 horas), numa partida importante para os dois conjuntos, que há algum tempo têm estado arredados das vitórias e se encontram separadas por apenas três pontos na tabela classificativa.

Boa tarde!

Siga o jogo aqui.