Sporting: ponto da situação sobre participação na SAD
Salgado Zenha, vice com a pasta das finanças, e Frederico Varandas, presidente do Sporting. SÉRGIO MIGUEL SANTOS/ASF

Sporting: ponto da situação sobre participação na SAD

NACIONAL04.01.202420:44

Agência Bloomberg avança que os leões estão em negociações para a venda de participação minoritária; Sporting já abriu a porta mas continua à espera de interessados; Chelsea atento

A Bloomberg avançou esta sexta-feira que o Sporting está já em negociações para a venda de participação minoritária na SAD, na sequência da porta que ficou aberta a investidores minoritários depois de concluída a reestruturação financeira, que permite aos leões passarem a controlar quase 88 por cento do capital social da sociedade. A agência noticiosa cita uma fonte conhecedora do processo que no entanto ressalva que não há ainda certezas de que das negociações surja um acordo. Apurou A BOLA, no entanto, que não foi iniciado qualquer tipo de conversas sobre o tema.

A 27 de dezembro o Sporting anunciou a conclusão do processo de reestruturação financeira, com a compra de 51.416.952 de VMOC (Valores Mobiliários Obrigatoriamente Convertíveis) ao Novo Banco. No comunicado em que anunciaram a operação, os verdes e brancos abriram a porta à «entrada de uma parceria estratégica minoritária no capital na SAD» e agora surgem notícias de que há já negociações em curso.

Chelsea a olhar para o Sporting

28 dezembro 2023, 20:24

Chelsea a olhar para o Sporting

Concluída a reestruturação financeira, SAD abre a porta à entrada de investidor minoritário; ingleses têm o leão como alvo prioritário

 Nada de concreto porém existe nesta altura. Ainda que o Chelsea continue muito interessado em investir em Portugal, sendo o emblema de Alvalade um alvo preferencial. O consórcio proprietário dos londrinos, formado por Todd Boehly e Behdad Eghbali, quer construir uma teia de clubes, à imagem do que acontece com o City Football Group, proprietário de emblemas como Manchester City, Girona e Bahia. A ideia passa por fazer circular, nesse conjunto de clubes, jovens jogadores cujos passes entretanto foram adquiridos, emblemas de ligas de menor dimensão mas com forte historial na formação, para que um dia possam integrar o plantel da equipa londrina e/ou serem vendidos depois de valorizarem no mercado. O Consórcio, a troco de uma verba na ordem dos €75 milhões, recorde-se, adquiriu recentemente o Estrasburgo, da Ligue 1, mas um investimento no Sporting, apesar de minoritário, enquadra-se num patamar desportivo superior ao do clube francês.