Portugal deve mesmo ter três equipas na Champions feminina
Foto: IMAGO/Avant Sports

Portugal deve mesmo ter três equipas na Champions feminina

INTERNACIONAL04.12.202323:43

UEFA formalizou lista de acesso a partir de 2025/2026; eliminados seguirão na ‘Liga Europa’

A UEFA anunciou os detalhes da nova Champions feminina, que arranca em 2025/2026, e da segunda prova de clubes criada de raiz — ainda sem nome, mas equivalente à masculina Liga Europa —, depois de ter feito o anúncio prévio das mudanças na sexta-feira.

E na comunicação de ontem ficou a saber-se que os campeões dos países colocados entre o quarto e o sexto lugar do ranking passam a ter acesso direto à fase de grupos e que o sétimo desse ranking passa a ter três vagas na Champions, como já acontecia com os seis primeiros. O que abre excelentes perspetivas para Portugal. Depois de ter terminado a temporada de 2021/2022 no 17.º lugar do ranking, os resultados do Benfica na Liga dos Campeões permitiram a subida ao 9.º lugar, na época passada, e na que decorre agora — e que determinará as vagas para 2025/2026 — Portugal já subiu ao sexto lugar provisório, com 26 pontos e vantagem considerável sobre os perseguidores (Dinamarca, com 21,75; Suécia, com 21,67; República Checa, com 21; e Áustria, com 20,75). Mantendo essa posição até final da temporada, Portugal terá três equipas na Champions em 2025/2026, com o campeão a ter acesso direto à fase de grupos. A_UEFA confirmou ainda que, na primeira fase (que replica o novo formato da Liga dos Campeões masculina, sem grupos, que entra em vigor no próximo verão), as equipas classificadas entre o 5.º e o 12.º lugar vão disputar um play-off de acesso aos quartos de final, aos quais os quatro primeiros acedem diretamente.

Em relação à nova segunda prova de clubes, vai disputar-se no sistema de eliminatórias e, além de 13 clubes com acesso direto, receberá ainda os segundos e terceiros classificados da primeira pré-eliminatória da Champions e as equipas afastadas na segunda pré-eliminatória, dando a garantia ao 2.º da Liga BPI_(e ótimas perspetivas ao 3.º) de continuar a competir na Europa mesmo que não consiga apurar-se para a primeira fase da Champions.