Artur Jorge (SC Braga): «Ndour chegou na altura certa»
Artur Jorge, treinador do SC Braga (Atlantico Press/IMAGO)

Artur Jorge (SC Braga): «Ndour chegou na altura certa»

NACIONAL30.01.202418:16

Ausências, por castigo, de João Moutinho e Vítor Carvalho, abrem oportunidade ao mais recente reforço; Artur Jorge apreciou a conquista do título, mas já passou e aponta para os três pontos na receção ao Chaves.

O SC Braga está de regresso ao Campeonato Nacional, depois da conquista da Taça da Liga, no fim de semana, também houve a gala Legião de Ouro, mas Artur Jorge pretende uma equipa focada na conquista dos três pontos, frente ao Chaves.

«O que tivemos nos últimos tempos foram momentos muito agradáveis para nós, de festa porque é disso que se trata. Falei no treino e estamos muito satisfeito, mas há muito para fazer. Um título ganho, mas com o campeonato a decorrer e se prometemos que queremos fazer melhor que na 1.ª volta, temos de ter atenção e conseguir um resultado como tivemos em Chaves, manter a coerência na abordagem ao jogo em busca da vitória», referiu o treinador.

Os bracarenses podem isolar-se no 4.º lugar e com as vitórias dos rivais que estão mais à frente na classificação, o técnico, de 52 anos, não espera facilidades, tomando mesmo o bom momento dessas equipas como exemplo.

«Temos visto as três primeiras equipas a ganharem os jogos com muita qualidade e goleadas. Tem de servir de exemplo, olhar para o que é bem feito e fazê-lo também. Não pode causar desconforto o facto de não nos conseguirmos aproximar. Mas temos de acreditar que podemos chegar mais à frente», admitiu.

Cher Ndour, médio italiano de 19 anos, que está convocado para esta partida e para Artur Jorge chegou na altura certa:

«Temos dois médios fora por castigo [Moutinho e Vítor Carvalho], ou seja, chegou na altura certa para alargar as opções. É jovem e acreditamos que possa vir com o desejo de se afirmar, reconhecemos qualidade, falta-lhe tempo de jogo, vem à procura de espaço e vai ter de trabalhar para isso.»