Benfica despede-se com honra (e golos) diante do Liverpool

Liga dos Campeões 13-04-2022 21:55
Por Redação

Terminou o sonho da Champions para o Benfica. Após a derrota na Luz por 1-3, a equipa orientada por Nélson Veríssimo empatou em Anfield a três golos, ficando pelos quartos de final da competição.

Mesmo sem Rafa (foi Diogo Gonçalves o escolhido para o seu lugar), as águias enfrentaram um Liverpool em poupanças (Van Dijk, Alexander-Arnold, Robertson, Thiago Alcântara, Sadio Mané e Salah começaram no banco) e até assustaram logo aos 13 minutos, num vistoso remate de Everton.

Porém o golo inicial foi mesmo do Liverpool, aos 23’, tirado a papel químico do primeiro também no jogo da primeira mão, com o central Ibrahima Konaté a surgir na área a cabecear após canto batido da esquerda.

Reagiu de imediato a equipa de Nélson Veríssimo, com Darwin a marcar, mas o lance foi anulado por fora de jogo, algo que viria a acontecer novamente já em tempo de descontos, então com 3-3 no marcador. 

Aos 32' valeu: após dividida entre Diogo Gonçalves e Milner, Gonçalo Ramos apareceu na frente de Alisson e disparou sem hipóteses para o guarda-redes brasileiro.

Para a segunda parte, Veríssimo lançou Yaremchuck, por troca com Diogo Gonçalves, abrindo a frente de ataque, mas o Liverpool viria a fechar a eliminatória, com um bis de Firmino no espaço de 10 minutos (55’ e 65’). Já com Salah e Mané em campo, o Benfica nunca baixou os braços e ainda chegou ao empate, com golos de Yaremchuck (73’) e Darwin (82’). E poderia ter chegado à vitória… Darwin obrigou Alisson a extraordinária defesa e ainda teve o já referido segundo golo anulado.

Ler Mais
Comentários (388)

Últimas Notícias