Veríssimo explica saída para o Al-Duhail: «Senti-me desvalorizado»
Lucas Veríssimo com a camisola do Benfica. Foto: IMAGO/Avant Sports

Veríssimo explica saída para o Al-Duhail: «Senti-me desvalorizado»

NACIONAL30.01.202417:23

Central esteve muito perto de reforçar o Corinthians em definitivo, mas acabou por ingressar no clube do Catar

Lucas Veríssimo deu uma entrevista ao Canal do Benja – página de Youtube do jornalista desportivo Benjamin Back – onde explica porque optou por se transferir para o Al-Duhail em detrimento do Corinthians. 

O central de 28 anos revelou que não sentiu apoio por parte do presidente do clube de São Paulo, alegando que Augusto Melo e a direção do Corinthians deixaram passar o prazo para a sua contratação: «De certa forma, senti-me desvalorizado. Nunca conversei com o presidente até hoje, fiquei à espera dele um dia, não apareceu… Passou do prazo, o Corinthians perdeu o controlo. Aí chegou a proposta do Catar e o Benfica aceitou.»

Lucas Veríssimo confessou a Benjamin que lhe chegou a ser dito que estava tudo pronto para assinar, mas depois... nada: «Houve uma vez que ele disse, ‘hoje a gente assina’, e eu falei maravilha, vamos assinar. Depois passou um, dois, três dias, eu liguei para o meu staff e perguntei o que estava a acontecer, para perceber porque é que o presidente disse num dia que eu ia assinar, queria perceber se o negócio estava a dar para trás, pedi sinceridade.»

O clube paulista havia anunciado uma parceria com a VaideBet mais cedo este mês, e, com o anúncio de que o central já não iria assinar em definitivo com o Corinthians, os adeptos recuperaram um vídeo onde se nota algum constrangimento entre Veríssimo e Augusto Melo.

«Eu olhei para ele porque queria que ele olhasse para mim. Porque ele falou como se as coisas estivessem resolvidas, como se tivesse já batido o martelo. Até então, tinha sim a palavra, porque eu acho que isso conta muito. Nos meus anos de futebol, eu ouvi muito e foi feito pouco. Por isso é que, nesse momento que ele falou para todos a dizer que a primeira coisa que fez no Corinthians foi a compra do Lucas Veríssimo, eu olhei para ele para ver se ele olhava para mim.»

O antigo defesa das águias revelou ainda que nunca chegou a receber o que lhe era devido em relação aos direitos de imagem: «Carteira em dia. Imagem eu não recebi nenhum dos seis meses.»