Casa Pia: Fernando Andrade reencontrou o Dragão... e o golo
Fernando Andrade, do Casa Pia, aponta com sucesso uma grande penalidade perante o guardião Diogo Costa, do FC Porto. Foto: Action Plus/Imago.

Casa Pia: Fernando Andrade reencontrou o Dragão... e o golo

NACIONAL11.12.202314:48

Experiente avançado reencontrou o FC Porto quase meio ano depois de ter terminado contrato; voltou aos golos após ano e meio de espera

A noite deste sábado foi especial para Fernando Andrade, que regressou pela primeira vez ao Estádio do Dragão enquanto adversário do FC Porto depois de ter expirado o seu contrato, a 30 de junho último. Quase meio ano após a saída, o avançado reencontrou os dragões, vários dos seus companheiros de equipa e, acima de tudo, o seu anterior técnico, Sérgio Conceição, que chegou a elogiar publicamente o seu profissionalismo.

Fernando, de 30 anos, voltou ao Dragão enquanto titular do Casa Pia…e fez valer a visita, apesar de não ter conseguido evitar a derrota da equipa à qual se juntou este verão, o Casa Pia. O emblema lisboeta saiu vergado a uma derrota (3-1), mas o brasileiro aproveitou para se fazer notar e alcançar um objetivo pelo qual já buscava desde que chegou a Pina Manique, onde completou a sua recuperação e voltou a competir oficialmente.

Quis o destino que a longa seca de golos do experiente avançado terminasse precisamente contra o FC Porto, tendo reencontrado o caminho dos golos ao estrear-se a marcar com a camisola dos gansos já perto do final, convertendo a grande penalidade que atenuou os números da derrota do conjunto visitante. Um marco pessoal de relevo para o jogador, que pretenderá capitalizá-lo para uma época mais de encontro com as suas expectativas.

Recorde-se que a temporada não tem sido particularmente fácil para o atacante, que tem protagonizado uma época intermitente, maioritariamente por culpa de problemas musculares que o têm levado a alternar entre o onze titular e o banco de suplentes: o antigo dragão foi titular em quatro encontros e suplente utilizado já em dez, incluindo o embate deste sábado, no qual conseguiu alcançar o primeiro golo da temporada.

Um golo muito aguardado pelo próprio Fernando Andrade, tendo em conta que o hiato sem marcar em jogos oficiais durava há já quase ano e meio, mais precisamente desde a última jornada da edição 21/22 da Liga, num triunfo sobre o Estoril, alcançado em maio de 2022. Desde então, o versátil dianteiro, que pode jogar como ponta de lança ou descaído sobre qualquer uma das alas, passou toda a época transata a recuperar de lesão grave e sem utilização oficial.

Fernando Andrade apenas voltaria a jogar pelo Casa Pia e é na capital portuguesa que parece estar a reencontrar-se com a felicidade. Depois do ansiado golo, o brasileiro procura agora fazer valer o que mostrou nos vinte minutos de competição a que teve direito e, numa primeira instância, recuperar um lugar no onze inicial no próximo encontro, que colocará uma deslocação a Trás-os-Montes para defrontar o Desportivo de Chaves.

Quando consumar o regresso à titularidade, o avançado irá ainda candidatar-se a cumprir 90 minutos de utilização, algo que não acontece desde…março de 2020, quando representava os turcos do Sivasspor, por empréstimo.