Forbes destaca estratégia do Benfica: «O plano está a resultar»

Benfica 10-12-2019 18:38
Por Redação

«Benfica: lucros recorde e sucesso sustentado com desenvolvimento e venda de jogadores.» É com este título que a Forbes enaltece a estratégia financeira do Benfica que permitiu ao clube da Luz encaixar, pela primeira vez, receitas de 300 milhões de euros nas contas apresentadas em setembro.

 

«Vencedores de cinco dos últimos seis títulos da Liga portuguesa, e com presenças habituais na Liga dos Campeões, o Benfica é o clube dominante em Portugal. Mas é a forma como alcança e mantém esse sucesso que o torna um clube com competências únicas na procura de manter o status no topo do futebol europeu e mundial», lê-se ainda no artigo publicado esta terça-feira na conceituada revista norte-americana, especializada em assuntos económicos.

 

O que diferencia o Benfica é o facto de, além das habituais receitas de bilheteira, patrocínios e direitos televisivos, que alimentam todos os clubes, ter conseguido bons encaixes financeiros com a venda de jogadores formados no Seixal. A transferência de João Félix para o Atlético Madrid no último verão, por 126 milhões de euros, é a prova de que o «o plano está a resultar».

 

«A Academia é, claramente, um dos pilares da estratégia do clube. Tem um grande significado em termos de criação de valor», explica Pedro Mendes, diretor técnico da academia que foi contratado ao Manchester City no ano passado. Uma estratégia que permite ainda formar jogadores para a equipa principal, dispensando assim a contratação de jogadores de outros clubes que representariam um custo acrescido.

 

«Enquanto o Benfica vencer em campo, chegar à Liga dos Campeões e registe um lucro anual de dois dígitos, a estratégia de desenvolvimento e venda de jogadores continuará a servir o clube», remata o artigo.

Ler Mais
Comentários (45)

Últimas Notícias