Triste fado

Triste fado

OPINIÃO23.03.202305:30

Haaland foi dispensado da Noruega por lesão. Tiveram sorte, podia ter sido Aursnes

Nota prévia: artigo escrito ao som do Fado das Horas, de Maria Teresa de Noronha, o mesmo que Pinto da Costa ouvia ontem à saída do Olival.

1. Disse Rúben Amorim após o sorteio dos oitavos da Liga Europa, que colocou o Arsenal no caminho dos leões: «É preciso fazer uma grande ginástica para dar vantagem ao Sporting na eliminatória.» E assim foi. Que belo sarau se viu em Londres.

2. Haaland foi dispensado da seleção da Noruega por lesão. Tiveram sorte, podia ter sido Aursnes.

3. O clássico Benfica-FC Porto joga-se a 7 de abril. Vai ser uma sexta-feira santa dos diabos.

4. Aleksander Ceferin: «Conheci menos delinquentes em 25 anos de direito penal do que em 2 anos de futebol.» E tem vindo pouco a Portugal. 

5. Tiago Madureira, diretor executivo da Liga. «A centralização dos direitos audiovisuais não é o Robin dos Bosques. O objetivo não é tirar aos que recebem mais para distribuir pelos mais pequenos.» OK. E até quando vamos ter de levar com o xerife de Nottingham (operador televisivo) a marcar jogos para dias e horas impróprios?

6. Primeiro Nuno Santos, depois Pedro Gonçalves. Se as coisas continuam assim, a equipa do Sporting vai toda em excursão à próxima gala The Best, com vista ao Prémio Puskás.

7. O ministro da Economia e do Mar, António Costa Silva, garante que se assiste a uma melhoria significativa da economia nacional, que no entanto ainda não chegou ao bolso dos portugueses devido ao impacto da inflação. É o mesmo que dizer que se assiste a uma melhoria significativa da situação do Santa Clara no campeonato, que no entanto ainda não chegou à tabela classificativa devido ao impacto dos maus resultados.

8. Pinto da Costa tem razão, não há falta de investimento no FC Porto. Pelo menos no que diz respeito aos salários e prémios dos administradores da SAD. Triste fado este, Sérgio.

Vídeos

shimmer
shimmer
shimmer
shimmer