Suspensão da federação indiana

OPINIÃO17.08.202206:30

AIFF e clubes deixaram de ter direito direito a participar em provas internacionais

AFederação de Futebol da Índia foi suspensa pela FIFA por causa de «influência indevida de terceiros», em violação dos Estatutos daquela organização internacional. O mais alto tribunal da Índia dissolveu a All India Football Federation (AIFF) em maio e nomeou um comité de três membros para governar o desporto no país. A FIFA e a Confederação Asiática de Futebol (AFC) reuniram-se com as partes interessadas do futebol indiano e estabeleceram diretrizes para a AIFF, que deve mudar as suas regras e realizar eleições até ao dia 15 de setembro. De acordo com o comunicado da FIFA, «a suspensão será levantada assim que a ordem para estabelecer um comité de administradores para assumir os poderes do Comité Executivo da AIFF for revogada e a administração da AIFF recuperar o controlo total dos assuntos diários da AIFF», acrescentando ainda que «a FIFA está em constante contacto construtivo com o Ministério de Assuntos Juvenis e Desporto da Índia e espera que um resultado positivo para o caso ainda possa ser alcançado».

Com efeitos a partir de 14 de agosto de 2022, a AIFF perdeu todos os seus direitos de filiação, tal como definido no artigo 13.º dos Estatutos da FIFA, até indicações em contrário. Por conseguinte, o representante da AIFF e as equipas de clubes deixaram de ter direito a participar em competições internacionais até que a suspensão seja levantada. Isto significa também que nem a AIFF, nem nenhum dos seus membros ou funcionários podem beneficiar de quaisquer programas de desenvolvimento, cursos ou formação da FIFA e/ou da AFC.  A suspensão significa ainda que o Campeonato do Mundo Feminino Sub-17, marcado para começar na Índia no dia 11 de outubro deste ano, não acontecerá.

Vídeos

shimmer
shimmer
shimmer
shimmer