Lewis Hamilton vai ser o piloto mais bem pago da história

Lewis Hamilton vai ser o piloto mais bem pago da história

FÓRMULA 102.02.202418:07

Piloto britânico assinou contrato com Ferrari por dois anos e vai auferir cerca de 100 milhões por temporada

Lewis Hamilton vai tornar-se no piloto mais bem pago da história da Fórmula 1, mas para isso acontecer terá de esperar pela época de 2025. O britânico anunciou a saída da Mercedes - equipa a que se juntou em 2013 - para rumar à Ferrari na próxima temporada, numa transferência que chocou o mundo do desporto motorizado. 

É oficial: Lewis Hamilton na Ferrari em 2025

1 fevereiro 2024, 19:17

É oficial: Lewis Hamilton na Ferrari em 2025

Lewis Hamilton vai deixar a Mercedes pela Ferrari no final do próximo ano, após 12 temporadas e (até agora) seis títulos mundiais de pilotos conquistados com o construtor alemão da marca da estrela, de sete que o britânico ostenta no currículo

Mas para se juntar à mítica equipa, a Scuderia teve de passar cheque em branco ao sete vezes campeão mundial. Segundo aponta o jornal italiano Form1a.uno, o atleta de 39 anos vai auferir cerca de 100 milhões por ano, valor que inclui salário, bónus, contratos publicitários e direitos de imagem.

Refira-se que Lewis Hamilton assinou contrato multianual, cuja duração não tinha sido ainda divulgada, mas a mesma publicação detalhou que este estende-se até ao final de 2026, o primeiro ano em que entram em vigor os novos regulamentos de construção de carros de Fórmula 1. Desta forma, o inglês espera acumular cerca de 200 milhões de euros ao fim de dois anos.

Os números são de tal forma astronómicos se os compararmos com o seu próximo colega de equipa, Charles Leclerc. O monegasco também assinou recentemente novo contrato com a Ferrari, prolongando a sua ligação até 2026, mas com a opção de renovar até 2029 com o construtor se forem atingidos certos objetivos relacionados com a prestação da equipa. Dependente dos mesmos objetivos está também o montante que pode receber, podendo este atingir, no máximo, os 50 milhões de euros. 'Apenas' metade do que vai amealhar o campeoníssimo britânico.

Atualmente, o piloto que mais recebe por ano é o tricampeão mundial Max Verstappen, com o valor anual a rondar os 65 milhões de euros, segundo avança a Forbes. O neerlandês tem contrato com a Red Bull até 2028.