Portimonense: três centrais para travar a águia

Portimonense: três centrais para travar a águia

NACIONAL22.02.202420:25

Com o Benfica regressa a fórmula dos algarvios contra os grandes

No domingo com o Benfica, o Portimonense deverá alinhar com três centrais, como tem sido habitual na equipa algarvia sempre que defronta um dos grandes, numa linha defensiva com cinco elementos . Nesse sentido, Relvas, que nos últimos jogos tem alternado entre o centro da defesa e a lateral esquerda, junta-se a Alemão e Pedrão. A fechar o lado canhoto dos algarvios deverá estar Gonçalo Costa, que na última ronda dinamizou a equipa frente ao Vitória de Guimarães.

 

No corredor contrário, a luta pela titularidade tem sido intensa entre Igor Formiga e Guga. O brasileiro tem ligeira vantagem, mas o português entrou muito bem contra os vimaranenses – marcou o golo do empate – e poderá ter ganho pontos decisivos na escolha do treinador. O ataque à águia passará pela mobilidade e Hélio Varela e Jasper no ataque, tal como sucedeu na 1.º volta, em Portimão.