Pinto da Costa castigado 35 dias: pode acabar mandato suspenso
Pinto da Costa (FOTO: FC PORTO)

Pinto da Costa castigado 35 dias: pode acabar mandato suspenso

NACIONAL30.04.202417:06

Conselho de Disciplina pune declarações após o jogo no Estoril, mas decisão é passível de recursos

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol aplicou 35 dias de suspensão a Pinto da Costa, presidente do FC Porto, por críticas à arbitragem na sequência do jogo com o Estoril. Foi ainda aplicada uma multa de 5.610 euros.

O processo foi gerado por uma denúncia da Comissão Jurídica da APAF, e o inquérito foi, como habitualmente, assumido pela Comissão de Instrutores da Liga, que considerou provado o ilícito, de resto reconhecido integralmente pelo líder portista. O caso regressou então ao Conselho de Disciplina, que deu seguimento ao castigo.

De referir que esta decisão pode fazer com que Pinto da Costa termine o mandato de presidente do FC Porto castigado, mas tal é pouco provável, uma vez que pode ser apresentado recurso para o Pleno do Conselho de Disciplina, e o mesmo tem efeito suspensivo. Caso a suspensão seja mantida, pode ainda levar o processo ao Tribunal Arbitral do Desporto.

De referir ainda que Pinto da Costa vai deixar a liderança do clube a 7 de maio, dia para o qual foi agendada a tomada de posse dos novos órgãos sociais do FC Porto, com André Villas-Boas como presidente, mas a mudança na SAD só ficará consumada posteriormente. A final da Taça de Portugal, com o Sporting, realiza-se a 26 de maio.

FC PORTO TAMBÉM PUNIDO

Para além da suspensão aplicada a Pinto da Costa, o Conselho de Disciplina aplicou ainda uma multa de 15.810 euros à SAD do FC Porto, em processo paralelo, relativo também a «lesão da honra e da reputação e denúncia caluniosa».

Vídeos

shimmer
shimmer
shimmer
shimmer