Paulo Sousa e o futuro: «A Direção é livre de tomar as suas decisões, mas sinto o grupo comigo»
Paulo Sousa, treinador da Salernitana (Imago)

Paulo Sousa e o futuro: «A Direção é livre de tomar as suas decisões, mas sinto o grupo comigo»

INTERNACIONAL08.10.202315:54

«Só falta uma vitória», diz o treinador português

Paulo Sousa disse estar tranquilo enquanto treinador da Salernitana, apesar de uma derrota, desta vez em Monza, por 0-3. Ainda sem vitórias à 8.ª jornada na Serie A, o treinador português disse ao canal DAZN sentir a equipa consigo, já sobre a confiança da administração não quis comentar.

O que o preocupa no balneário: «Acima de tudo os resultados. A equipa precisa de ter confiança, é uma equipa que trabalha para chegar aos resultados. Uma vitória daria um impulso diferente, até porque durante a semana os rapazes trabalham bem. Devemos continuar a trabalhar até os três pontos chegarem.»

Sente a confiança do grupo? «Os rapazes trabalham bem, com ambição, ouvem. Quando ao intervalo lhes mostramos o que podem melhorar e o que podem mudar, eles têm a perceção de que podem fazê-lo, a equipa responde. Estamos no caminho certo desde o início do trabalho, agora precisamos dos resultados.»

E da Direção? Nada me foi dito pela Direção. Sobre mim, como já disse, estou muito tranquilo e consciente da honestidade do trabalho que estou a fazer. Faz parte do futebol e aceito tudo, preocupa-me mais ver o que se passa em Israel, na Ucrânia... Isto é desporto, estou tranquilo, o clube é livre para refletir e tomar as decisões adequadas.»