«Benfica ficou mais forte mas ainda não é a melhor equipa do campeonato»
Marcos Leonardo já marcou três golos em quatro jogos (Foto: Miguel Nunes/ASF)

«Benfica ficou mais forte mas ainda não é a melhor equipa do campeonato»

NACIONAL01.02.202421:27

Pedro Bouças faz análise ao mercado de inverno das águias; diz que Álvaro Carreras e Marcos Leonardo pode ser «já titulares»

«O plantel do Benfica ficou mais forte após este mercado de inverno». De acordo com o analista e comentador Pedro Bouças, as águias contrataram «dois jogadores que têm capacidade para serem já titulares», casos de Álvaro Carreras e Marcos Leonardo. «E penso que Rollheiser ainda pode contribuir muito para a equipa, mesmo não estando no onze inicial». 

Porque, por outro lado, as saídas não descompensam a equipa. «Musa marcava golos, mas quase sempre a sair do banco, ou seja, não era uma aposta inicial. Além disso, Marcos Leonardo tem um potencial superior. Quanto a João Victor, era irrelevante e Chiquinho teve poucos minutos», justifica.

Fechando o ângulo nos jovens que chegaram, evidencia as qualidades que poderão aumentar a qualidade dos campeões nacionais. «Se Bernat estivesse no seu melhor seria o lateral-esquerdo titular, mas não acredito que isso vá ocorrer e portanto Álvaro Carreras tem tudo para ser o dono do lugar. É um jogador rápido e tem uma dimensão física que é muito importante num lateral», pois «permite dar profundidade ao corredor esquerdo» algo que «Morato não consegue». «Não é para chegar sempre à linha e cruzar, mas é o suficiente para obrigar o adversário a baixar as linhas», diz.

Pedro Bouças trabalhou com Jesualdo Ferreira no Boavista e no Santos (Foto: D. R.)

Quanto a Marcos Leonardo, poucas dúvidas: «Não vai demorar muito para ser o avançado titular.» Tendo trabalhado na equipa técnica liderada por Jesualdo Ferreira na época em que o ponta de lança se estreou no Santos, Pedro Bouças elogia-o: «Tem uma apetência incrível para marcar golos. É muito potente nos primeiros metros e sabe encontrar o espaço para finalizar. É muito eficaz com ambos os pés e vai resolver muitos jogos do Benfica. Ele tem características diferentes de Arthur Cabral, pois é capaz de fazer diagonais e pressionar muito os defesas. Isso já foi visível nos encontros em que participou.»

Quanto à possibilidade de o brasileiro poder jogar ao lado do compatriota na frente de ataque, o analista descarta por completo: «Marcos Leonardo é um 9 puro. Apesar de ter aquela estatura, é um jogador de área, ponto final. Ou joga ele ou Arthur Cabral. E acredito que não vai demorar muito tempo para ser ele o titular, basta que adquira os melhores índices físicos.»

O meio-campo foi o setor que não recebeu reforços. E também não era necessário. «O Benfica tem três opções, que na verdade podem ser cinco: além de João Neves, Florentino e Kokçu, há ainda Aursnes e João Mário, que na verdade começaram de raiz naquele lugar.»

Coloca-se, assim, a questão: o Benfica tem o plantel mais forte do campeonato, e por conseguinte, é o mais forte candidato à conquista do título? «O Benfica tem o melhor plantel e penso que tem condições para formar o melhor onze da Liga, mas ainda não é a melhor equipa. Além de integrar os jogadores que chegaram, tem de encontrar a melhor posição para Aursnes. Mas ainda não está ao nível do Sporting, que é atualmente a melhor equipa do campeonato».

Tags: