Pai de Endrick vítima de racismo em jogo da seleção do Brasil no Pré-Olímpico
Endrick (IMAGO / TheNews2)

Pai de Endrick vítima de racismo em jogo da seleção do Brasil no Pré-Olímpico

INTERNACIONAL10.02.202407:51

Avançado do Palmeiras, de Abel Ferreira, que vai rumar ao Real Madrid no verão, denunciou caso nas redes sociais. CBF e Palmeiras tomaram posição oficial e mostraram-se solidários com familiar do jogador

Douglas Ramos, pai de Endrick, foi vítima de racismo, depois da vitória do Brasil diante da Venezuela no Pré-Olímpico. Foi o próprio avançado do Palmeiras, de Abel Ferreira, que vai rumar ao Real Madrid no verão, a partilhar um vídeo, onde um adepto venezuelano faz gestos de macaco na direção do pai: «Desculpa pai por esse momento.»

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) tomou uma posição, mostrando-se solidária com o familiar do jovem jogador: «A CBF repudia os atos de racismo cometidos contra familiar do jogador Endrick.»

O Palmeiras também reagiu: «Não toleramos qualquer forma de preconceito e esperamos que os responsáveis por este ato criminoso sejam devidamente identificados e punidos.»

Tags: