Libertado o internacional israelita acusado de incitamento ao ódio
Ministério Público de Antalya abriu inquérito a Sagiv Jehezkel (IMAGO / Depo Photos)

Libertado o internacional israelita acusado de incitamento ao ódio

INTERNACIONAL15.01.202412:11

Ministério Público de Antalya abriu inquérito a Sagiv Jehezkel, avançado de 28 anos

Sagiv Jehezkel, internacional israelita de 28 anos que está a ser acusado de incitamento ao ódio, já foi libertado. A informação é adiantada pela DHA-Sports. O avançado, recorde-se, marcou um golo no empate do Antalyaspor diante do Trabzonspor e mostrou a inscrição «100 dias 07/10» numa das proteções no pulso, fazendo referência aos 100 dias após o ataque do Hamas a Israel.

«O Ministério Público de Antalya abriu um inquérito ao futebolista Sagiv Jehezkel por incitação pública ao ódio, pela sua celebração odiosa do massacre cometido por Israel em Gaza. Nós vamos continuar a apoiar os palestinianos oprimidos», escreveu Yilmaz Tunç, ministro da Justiça turco, na rede social X (antigo Twitter).

O Antalyaspor afastou o jogador por ter agido «contra os valores» do país.