Estrela: Sérgio Vieira com «dedicatória especial» a Brígido
(Foto: Maciej Rogowski/Imago)

Estrela: Sérgio Vieira com «dedicatória especial» a Brígido

NACIONAL08.10.202320:22

No momento de celebrar o primeiro triunfo fora de portas, técnico elogiou a postura da sua equipa

Na hora de celebrar o primeiro sucesso do Estrela da Amadora fora de portas na edição de regresso dos tricolores à Liga principal, o treinador Sérgio Vieira surgiu na conferência de imprensa que se seguiu dedicado em repartir o mérito do triunfo entre todo o coletivo e ainda dedicar o sucesso ao guarda-redes Brígido, o titular de toda a época até ter contraído uma grave lesão no encontro antecedente, perante o SC Braga, que o obrigará a uma paragem de alguns meses.

Os primeiros a merecerem o reconhecimento por parte do treinador foram os adeptos e simpatizantes do Estrela, que responderam presente e celebraram, em clima de êxtase e comunhão, o decisivo golo de Ronaldo Tavares a instantes do apito final. «A vitória assenta-nos bem por vários fatores e pela presença dos nossos adeptos, que foram fantásticos e que quiseram dizer que estavam presentes quando outros iriam para a praia, para o cinema, para outro tipo de atividades», constatou.

Seguiram-se, no lote de elementos a valorizar por Sérgio Vieira, os jogadores do Estrela, pelo papel que desempenharam de forma a alcançar uma importante vitória. «Cumpriram com aquilo que são os nossos valores profissionais e humanos, que é dar tudo até ao limite», avaliou, com visível satisfação, antes de dedicar o triunfo conquistado a um dos capitães de equipa, Brígido, que este domingo cumpriu o primeiro de vários jogos de afastamento de competição face à lesão que recentemente o afetou.

«Tínhamos uma dedicatória especial ao nosso guarda-redes, ao nosso capitão, ao Bruno Brígido, que foi determinante na temporada passada, na subida de divisão depois de muitos anos, e também nesta época tinha sido muito determinante na estabilidade, na liderança», transmitiu o treinador, que em seguida enalteceu o trabalho de outro dos capitães de equipa, António Filipe, que ocupou o seu lugar na baliza em estreia absoluta na temporada e manteve a sua baliza inviolada.

«Hoje o António Filipe esteve muito sereno, transmitiu essa tranquilidade à equipa. Foi líder,» elogiou Sérgio Vieira, com tempo ainda para se pronunciar sobre o herói da tarde, Ronaldo Tavares, que apontou o solitário golo da partida. «Tem um potencial fantástico, tem um coração enorme, mas tem de continuar o processo de evolução dele. Neste jogo, foi para o banco pela primeira vez esta temporada, mas o objetivo dele era entrar com a mesma energia e com o mesmo foco», destacou, satisfeito.