Wenger e o negócio falhado por Ronaldo: «Temos de aprender com o arrependimento»

França 07-09-2019 19:10
Por Redação

Enquanto treinava o Arsenal, Arsene Wenger teve a hipótese de juntar Cristiano Ronaldo e Leo Messi na mesma equipa, mas acabou por não conseguir nenhum dos dois.

 

Sobre o falhanço das negociações com o capitão da Seleção Nacional, antes da mudança do Sporting para o Manchester United em 2003, o técnico francês ainda tentou ‘roubá-lo’, mas sem sucesso. «Temos de saber aprender com o arrependimento de negócios não concluídos», limitou-se a dizer, à BeIN Sports.

 

Quando ao astro argentino, garantiu que chegou a conversar com o ainda jogar do Barcelona, aquando da transferência de Cesc Fabregas. «Estivemos em conversações com ele quando comprámos o Fabregas, eram dois produtos fenomenais da escola do Barça. Estávamos interessados nele, mas era intocável para o Barcelona», revelou.

O FUTURO COM O NOSSO PASSADO


Porque A BOLA não quer que o jornalismo deixe de ser o jornalismo de qualidade que se faz da grande história, da investigação e da grande reportagem – nós temos esse jornalismo (o jornalismo que fez com que se falasse de A BOLA como a Bíblia) para lhe continuar a dar.

Porque A BOLA não quer que o jornalismo deixe de ser o jornalismo do texto criativo e sedutor e da opinião acutilante que não se faz de cócoras ou de mão estendida – nós temos esse jornalismo para lhe continuar a dar…

… e para nos ajudar a manter e a melhorar esse jornalismo sério e independente com o timbre de A BOLA,

Junte-se a nós nesse novo desafio ao futuro, tornando-se nosso assinante.

ASSINE AQUI

A Edição Digital de A Bola

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias