Grupo de jogadoras denuncia assédio e abusos do ex-selecionador

Venezuela 06-10-2021 12:26
Por Redação

Um grupo de 24 jogadoras da seleção da Venezuela denunciou, através de comunicado, ter sido vítima de assédio sexual e abusos físicos e psicológicos por parte do antigo selecionador Kenneth Zseremeta, assim como do preparador físico Williams Pino.

As jogadoras garantem que «entre 2013 e 2017 surgiram numerosas situações de assédio e abusos envolvendo Zseremeta, durante os treinos, que causaram inúmeros traumas e problemas psicológicos».

No texto divulgado através das redes sociais, as futebolistas deixam ainda apelo à FIFA, às confederações e às federações que não permitam que o treinador continue a fazer vida no futebol feminino e deixam a garantia: «Não nos calaremos, mas precisamos do apoio de todos para proteger as futebolistas e criar uma cultura onde estejamos a salvo.»
 



A Federação de Futebol da Venezuela manifestou já total solidariedade e foi iniciada uma investigação por parte do Ministério Público.

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias