Leão obrigado a vender para voltar a comprar

Sporting 27-07-2021 14:00
Por Eduardo Marques

São três os reforços leoninos para a presente temporada, mas podem ser ainda mais, já que Rúben Amorim entende que este plantel, que mantém praticamente a sua estrutura (houve apenas a saída de João Mário), precisa de de alguns retoques para atacar a nova temporada. O primeiro reforço foi um desejo antigo do treinador, nomeadamente Ricardo Esgaio; o segundo dá pelo nome de Rúben Vinagre, um jovem a quem reconhece qualidade e margem de progressão; o terceiro será Manuel Ugarte, cuja transferência do Famalicão está praticamente alinhavada, faltando apenas que o jovem (20 anos) médio se liberte do isolamento devido a caso positivo de Covid-19 para poder somar às opções de Rúben Amorim.


Ao plantel principal o Sporting até ao momento só somou opções, mas terá obrigatoriamente de subtrair. Porque a SAD, como todas as outras, terá de vender ativos de maneira a equilibrar as suas finanças e ganhar almofada financeira que lhe permita avançar para esse derradeiros retoques no plantel, como por exemplo uma nova solução ofensiva. Há Paulinho, há Tiago Tomás, há Jovane e outras soluções que podem ser adaptadas, mas Rúben Amorim procura um jogador de características diferentes que possa acrescentar algo diferente ao ataque do leão.


 

Leia o artigo na integra na edição impressa ou digital de A BOLA.

Ler Mais
Comentários (149)

Últimas Notícias

Mundos