«Por que Jesus não falou quando os jogadores dele pisaram o Corona?»

FC Porto 16-04-2021 12:33
Por Redação

Numa extensa entrevista publicada esta sexta-feira pelo jornal Novo, semanário lançado esta sexta-feira, Pepe falou sobre o mais recente episódio protagonizado por Jorge Jesus sobre a entrada de Stephen Eustáquio sobre Julian Weigl, no jogo entre Paços de Ferreira e Benfica.

«Senti-me envergonhado ao ver um treinador falar daquela maneira», atira o capitão do FC Porto, questionando: «Porque é que ele não falou quando os jogadores dele pisaram o Corona? Quando jogámos contra ele vínhamos de um jogo de 120 minutos e disseram: ‘É este Benfica que queremos, agressividade, agressividade.’ E o próprio treinador que fala de agressividade vem agora falar do Eustáquio… um lance em que tentou jogar a bola, infelizmente atingiu o jogador do Benfica. Nós, jogadores, não temos maldade, não queremos lesionar outro companheiro de profissão. Acho que foram declarações lamentáveis de uma pessoa que sabe e percebe de futebol e depois tem este tipo de comentários. Nós, jogadores, trabalhamos para ajudar a nossa equipa para fazer o nosso jogo, e aquilo que nos é pedido não é entrar dentro de campo, dar porrada, lesionar e fazer mal ao próximo.»

Pepe também falou sobre a continuidade de Sérgio Conceição no comando do FC Porto. «Já lhe disse, ele sabe que eu gostava muito que ele ficasse, mas ele tem os objetivos dele e temos de respeitar. Nos últimos quatro anos em que esteve no FC Porto colocou a fasquia muito alta. Nós, aqui, só temos de agradecer ao nosso treinador, porque a exigência dele fez com que nós, jogadores, elevássemos também a nossa exigência. Gostaria de tê-lo conhecido um pouco mais jovem, com os meus 28, 29 anos, o meu auge. Da maneira como ele trabalha… Um treino com ele é como se fosse um jogo e eu desfruto e descanso é no jogo [risos], porque um treino aqui é muito mais exigente do que propriamente um jogo. E é esta exigência que faz com que o FC Porto tenha ganho dois títulos e seja muito constante durante o ano. E isso deve-se ao nosso treinador porque exige muito de nós», elogiou.

Ler Mais
Comentários (155)

Últimas Notícias

Mundos