«O campeão tem de ser justo e sem contestação»

Futebol 15-04-2019 22:18
Por Pedro Cadima

Domingos Paciência abordou a luta pelo título, disputada ombro a ombro entre Benfica e FC Porto.

 

«Gostava que o FC Porto fosse campeão», começou por assumir o ex-internacional português, que vestiu a camisola dos dragões por 13 temporadas.

 

«Um deslize, seja de quem for, pode retirar todas as hipóteses. Ambos têm jogos complicados pela frente, mas é difícil prever onde pode surgir esse deslize. O Benfica tem o grande teste em Braga, que é uma equipa forte, e imagino que o FC Porto esteja à espera que seja esse o jogo. O certo é que vamos ter campeonato até ao fim», acrescentou.

 

Em declarações à margem da inauguração da nova sede da Associação Nacional dos Treinadores de Futebol, em Rio Tinto, Domingos afastou-se das polémicas fora das quatro linhas: «O campeão tem de ser justo e sem contestação.»

 

«Espero que não surjam erros, já aconteceram muitos. O ambiente tem estado pesado. E o VAR não foi a solução que se desejaria. Ao fim de um ano, ainda acontecem muitas falhas e não há consenso. Sou favorável ao VAR, veio para ajudar, mas mais importante é honestidade e coerência. Não temos a melhor geração de árbitros, mas temos de aceitar isso. Há fases assim.»

 

Ler Mais
Comentários (21)

Últimas Notícias