Mesmo sendo destituído, Jorge Fernandes vai recandidatar-se à presidência da Federação

Judo 18.11.2022 16:57
Por Miguel Candeias

Em risco de ser destituído do cargo de presidente da Federação Portuguesa de Judo (FPJ), Jorge Fernandes, sabe A BOLA, tem intenção de recandidatar-se novamente ao cargo.

Para 18 de dezembro está marcada Assembleia Geral Extraordinária para decidir a eventual destituição de Jorge Fernandes, em consequência de inquérito do Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ) para apurar eventuais incompatibilidades no exercício de funções na FPJ e no Judo Clube de Coimbra.

Caso os delegados decidam mesmo pela destituição, haverá eleições antecipadas, que, ao que o nosso jornal apurou, deverão acontecer em fevereiro do próximo ano. Certo, porém, é que Jorge Fernandes estará sempre para se recandidatar ao cargo, uma vez que nos estatutos nada o impede de tal intenção, mesmo tendo em conta os motivos da sua eventual destituição.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias

Serviço de apoio ao cliente
Dias úteis das 9.30h às 13h e 14.30h às 18h
E-mail: clientes@abola.pt
Telefone: 213232133 (Chamada para a rede fixa nacional)
Morada: Tv. da Queimada, 23 1249-113, Lisboa Portugal