Petit e o dérbi com o FC Porto: «Não vou falar de arbitragem»

Boavista 11.11.2022 13:32
Por Pedro Barros

Boavista e FC Porto serão os protagonistas neste sábado do 145.º derby da Invicta. Uma noite de gala entre os dois emblemas, na qual os axadrezados querem participar com o seu melhor traje e evitar que os dragões atinjam a 100.ª vitória destes duelos.


«É bom estar em qualquer jogo. Teremos um adversário extremamente difícil pela frente, a atravessar um bom momento de forma, nós não vivemos um momento tão bom, mas trata-se de um derby da cidade, sempre especial, em que todos gostam de estar envolvidos. Espero que seja um bom espetáculo», comentou Petit, na conferência de antevisão do desafio.


A equipa do Bessa entrou fulgurante na Liga, mas já não vence há cinco jornadas, despoletando uma vontade de «reagir». «Não conseguimos em jogos anteriores, queremos reagir neste. Há que tentar perceber o que podemos explorar no 4x4x2 do FC Porto, de boas rotinas. Temos estado mais próximos de fazer golos, mas não temos conseguido marcar», prosseguiu o mesmo responsável das panteras, sublinhando: «Era importante entrar na pausa da Liga com mais três pontos.»


Luís Godinho será o árbitro da partida, ele que expulsou Petit do banco de suplentes ao minuto 34. O treinador do Boavista reconheceu que não esteve bem. «Não vou falar de arbitragem. Foi um momento menos bom da minha parte. Não reagi bem e assumo as minhas responsabilidades. Que passe despercebido, é o que desejo», salientou o responsável do Bessa, não pretendendo comentar a situação de Sérgio Conceição, por se desconhecer se o técnico do FC Porto estará no banco de suplentes, após ter sido expulso no jogo da Taça de Portugal.


A lista de jogadores que vão estar presentes no Mundial já saiu e o boavisteiro Cannon ficou de fora dos eleitos dos Estados Unidos. «Não foi uma notícia boa para o Reggie. Já passei por isso. Sei o que é estar no Mundial e sei o que é ficar de fora. Estamos aqui para o ajudar. Foi um tropeção na sua carreira, mas terá outras oportunidades», afiançou Petit, não vendo que o anúncio do selecionador nacional Fernando Santos possa afetar os desempenhos de Pepe ou Otávio no encontro deste sábado à noite:


«Já tive daquele lado. E a minha prestação quando se aproximava uma grande prova era a mesma. Recordo-me que a minha última lesão até foi sozinho, não foi em competição. Às vezes, é quando um atleta se poupa que as lesões acontecem. Acredito que vão dar o seu melhor e não vão pensar em lesionar-se.»

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias

Serviço de apoio ao cliente
Dias úteis das 9.30h às 13h e 14.30h às 18h
E-mail: clientes@abola.pt
Telefone: 213232133 (Chamada para a rede fixa nacional)
Morada: Tv. da Queimada, 23 1249-113, Lisboa Portugal