«Não é alívio, é trabalho»

Botafogo 18.09.2022 09:10
Por Redação

Sem ganhar em casa há quatro jogos, o Botafogo regressou finalmente às vitórias, ao bater o Coritiba por 2-0, mas o treinador Luís Castro adiantou não estar aliviado. O Botafogo é 10º à 26.ª jornada.


«O alívio de que você fala [na pergunta] eu vi como trabalho. Fruto do nosso trabalho diário. Não há alívio de nada quando estamos em paz com a nossa consciência, com aquilo que fazemos todos os dias. Uma coisa que aprendi na vida foi a fazer uma análise do que faço todos os dias desde que me levanto até que me deito. Por isso construí a minha carreira com muito trabalho e vou continuar a minha carreira com muito trabalho. Foi por isso que alterei coisas da primeira para a segunda parte. Aquele que navega em função do que vem de fora nunca se encontra com o sucesso», avaliou o treinador português, que deixou mais um agradecimento aos adeptos:


«Eu sou muito questionado sobre como os adeptos reagem, aplaudem, criticam... Nós trabalhamos todos os dias com muita dedicação para fazer crescer uma equipa. Será sempre um prazer ver a torcida feliz, mas a felicidade tem de vir não só dos resultados, mas também do que fazemos ao longo da semana e seriedade do trabalho. Da projeção de um novo centro de treinos, por uma Academia que se possa desenvolver, por um relvado novo. Espero que fiquem felizes quando pudermos ter isto tudo. Queremos dar ao clube muita coisas que não tinha quando chegámos e que assim fiquem felizes não apenas porque ganhámos um jogo.»

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias