Falta de intensidade de Iker Undabarrena... termina treino mais cedo

Tondela 16.08.2022 13:41
Por Eduardo Pedrosa Marques

O treino matinal desta terça-feira do Tondela, realizado no relvado n.º 2 do Estádio João Cardoso, não chegou ao fim.


A BOLA sabe que a razão para o sucedido esteve relacionada com a falta de intensidade de Iker Undabarrena e, nesse sentido, a sessão de trabalho foi concluída cerca de 20 minutos mais cedo do que o previsto, com a parte final do treino a ficar marcada por trabalho físico. 


Ainda de acordo com os dados recolhidos pelo nosso jornal, a medida levada a cabo pela equipa técnica liderada por Tozé Marreco foi muito bem recebida pelo grupo de trabalho, uma vez que vários jogadores aperceberam-se da referida falta de intensidade demonstrada por Iker Undabarrena, algo que, naturalmente, não estaria a ir ao encontro do que estava estipulado para a unidade de treino. A prova da recetividade do plantel foi dada durante os exercícios físicos, onde houve empenho total. 


Este facto, apurou ainda A BOLA, está também relacionado com... o mercado de transferências. O nosso jornal sabe que o Leganés entrou recentemente na corrida pela contratação de Iker Undabarrena, sendo que o médio, de 27 anos, demonstrou à SAD tondelense a intenção de rumar ao emblema que milita no segundo escalão do futebol espanhol, mas os dirigentes do clube beirão não se mostraram recetivos a deixar sair o jogador. 


A este propósito, recorde-se, David Belenguer, presidente da SAD do Tondela, disse recentemente a A BOLA que só sairá mais algum elemento do plantel caso sejam batidas as cláusulas de rescisão presentes nos contratos. E Iker Undabarrena terá solicitado a rescisão amigável...


Sublinhe-se que a SAD presidida por David Belenguer e a equipa técnica liderada por Tozé Marreco têm em mãos uma tarefa de complexa dificuldade, uma vez que o Tondela está impedido de inscrever jogadores devido ao chamado 'caso Khacef', razão pela qual não houve qualquer contratação neste defeso e que leva, naturalmente, o clube a fazer todos os esforços para manter os jogadores que transitam da época anterior e que ainda têm vínculo laboral. Como é o caso de Iker Undabarrena, cujo contrato expira no final da presente temporada.


O Tondela, após ter estado sete épocas consecutivas no principal escalão do futebol português, compete, em 2022/2023, na Liga 2, tendo tido um arranque de época bastante positivo, com uma vitória no terreno do Nacional (1-0) e um empate na receção ao Benfica B (1-1), partida em que, com maior acerto na finalização, os comandados de Tozé Marreco até poderiam ter vencido. Com os 4 pontos averbados, o Tondela segue na 4.ª posição da tabela classificativa, em igualdade com Farense e Feirense, todos na perseguição ao Moreirense, que lidera a prova, com 6 pontos.




Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias