Gabriel Lopes luta pelas medalhas nos 200 estilos em Roma

Natação 16.08.2022 21:06
Por Miguel Candeias

Naquela que será a sua estreia numa final de Europeus de piscina longa e tal como já acontecera nas eliminatórias, ao registar 1.58,77m Gabriel Lopes tornou a ser o mais rápido nas semifinais dos 200 estilos no 36.º Europeu de Roma e, amanhã à tarde, estará na luta pelas medalhas.


Será o terceiro nadador na história da natação lusa a surgir numa final de 200 estilos, depois de Diogo Carvalho e Alexis Santos. Este último tendo conquistado a medalha de bronze em Londres-16


O olímpico do Louzan natação já não tivera rivais nas qualificações, onde obteve 1.58,94 entre 26 adversários. O seu máximo de carreira são 1.58,56, conseguidos há um ano nos Jogos de Tóquio.


O recorde nacional pertence a Alexis Santos (1.58,19) desde abril de 2019. O lote de finalistas encerrou com o ucraniano Vadym Naumenko, 2.00,48m.


Quem não conseguiu passar à final dos 50 bruços foi Ana Rodrigues, que concluiu as meias no 11.º lugar, com 31,33s. Note-se que nas eliminatórias a atleta do Desportiva de Viana melhorou o seu recorde nacional ao parar o cronómetro nos 31,04s. O que lhe conferiu o 8.º lugar entre 32 adversárias


O anterior máximo eram 31,09s e havia sido obtido há pouco mais de duas semanas no Campeonato Nacional Open disputado na piscina do Jamor.


A antiga campeã olímpica lituana Ruta Meilutyte (29,44) obteve a marca mais rápida entre as semifinalistas e a qualificação para a decisiva prova de amanhã fechou com a sueca Sophie Hansson (31,05). 

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias