Dragão venceu ao cair do pano

Liga 14.08.2022 19:59
Por Redação

Um golo de Iván Marcano, de cabeça, aos 90', assistido por Galeno, saído do banco na segunda parte, rendeu três pontos ao campeão nacional, em Vizela, onde sentiu grandes dificuldades.


Os minhotos apresentaram-se muito bem organizados defensivamente, anulando o 4x4x2 losango dos dragões durante toda a primeira parte, o que obrigou Sérgio Conceição a duas substituições ao intervalo: saídas de Uribe e Namaso para as entradas de Gabriel Veron e Otávio.


Grujic, reposicionado a médio-defensivo mais posicional, em vez de Uribe, pecou por falta de agressividade e os espaços iam surgindo com mais facilidade. Mas não era só pelo sérvio que os azuis e brancos sentiam problemas: também João Mário ia decaindo de produção e o Vizela irrompia inúmeras vezes pelo flanco do jovem português.


Desta forma, não foi de estranhar que pouco depois do quarto de hora da segunda parte (62'), Sérgio Conceição voltasse a operar mudanças: saiu Grujic para a entrada de Eustáquio, jogador de características idênticas, bem como de Evanilson para dar lugar a Toni Martínez, mais agressivo e presente na área.


A última cartada foi tirar João Mário (ia-se adivinhando esta alteração...) e lançar Galeno: recuou Pêpê para lateral-direito, posição à qual o criativo já está relativamente habituado a desempenhar e Galeno, mais fresco e rápido, começou a incomodar seriamente a defesa do Vizela, tendo ficado perto de marcar aos 84'.


Em cima do final da partida, aos 90' (seriam disputados ainda mais seis de compensação), Galeno, após livre, recebeu a bola sobre o lado esquerdo e cruzou, com muita categoria, para a cabeça de Iván Marcano, a fugir à marcação e a cabecear como bem quis, fora do alcance de Buntic. 

Ler Mais
Comentários (283)

Últimas Notícias