Diretor da Ducati revela o futuro de Miguel Oliveira

Moto GP 12.08.2022 20:27
Por Redação

Depois de muitos rumores, parece estar decidido o futuro de Miguel Oliveira no MotoGP. O piloto português vai deixar a KTM e rumar à RNF, numa revelação feita por Paolo Ciabatti, diretor desportivo da Ducati.


Em conversa com a revista Speedweek, o italiano assume que teve interesse em contratar Miguel Oliveira, mas que por uma questão de timing, a contratação caiu e o português não assinou pela Gresini Racing.


«Sim, tivemos uma conversa com o Miguel Oliveira, mas também com o Raúl Fernández. A situação do Miguel Oliveira parecia positiva, mas precisávamos da aprovação da Gresini Racing, porque eles são uma equipa satélite. Pagámos o salário do Bastianini [piloto da Gresini Racing] este ano, devido a uma situação especial em que ele tinha contrato connosco. Contudo, em princípio, só vamos pagar os pilotos da Lenovo [equipa de fábrica] e Pramac. As equipa satélite devem falar connosco, mas tomar as suas próprias decisões, porque não podemos apoiar financeiramente os oito pilotos que estão a correr no MotoGP. Nessa altura precisámos de algum tempo e a Gresini acabou por não encontrar um acordo com o Miguel Oliveira», explicou.


Depois surgiu a confirmação da nova equipa do português.


«Entretanto, a Aprilia assinou um contrato com a RNF do Razlan Razali. Fizeram-lhe uma boa proposta ao Miguel Oliveira e acho que decidiu aceitá-la. É compreensível, porque não estávamos preparados a tempo para propor um acordo com a Gresini», concluiu.

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias