FIFAgate: Nasser Al-Khelaifi voltou a ser absolvido

Paris Saint-Germain 24.06.2022 10:39
Por Redação

Tal como na primeira instância, a justiça suíça absolveu, esta sexta-feira, após recurso, Nasser Al-Khelaifi, presidente do Paris Saint-Germain e do BeIn Media Group, no caso de corrupção sobre a transferência dos direitos de televisão nos Mundiais de 2026 e 2030 no processo FIFAgate, segundo o L´Équipe.

O processo judicial em segunda instância, iniciado março, foi levado a cabo pelo Ministério Público da Confederação Suíça que solicitou 28 meses de prisão para Al-Khelaifi por um crime de concorrência desleal agravada.

«O nosso cliente foi absolvido pela segunda vez neste caso. Esta é mais uma vitória muito importante, obtida, desta vez, perante a mais alta instância da justiça suíça», realçou Grégoire Mangeat, advogado suíço do presidente do PSG.

Os outros dois réus neste caso foram condenados. Jérôme Valcke, antigo número 2 da FIFA foi punido com 11 meses de prisão suspensa e multa pecuniária e o grego Konstantinos Nteris, terceiro réu no processo, recebeu sentença de dez meses de pena suspensa.


Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias