Mulher de jogador do Olimpia morre em tiroteio

Paraguai 01-02-2022 10:04
Por Redação

Na noite de domingo, em San Bernardino, no Paraguai, um tiroteio durante um concerto resultou em dois mortos e quatro feridos, sendo que umas das vítimas mortais era a modelo Cristina Vita Aranda, mulher do jogador Iván Torres, o qual atua ao serviço do Olimpia do Paraguai.

 

Segundo o jornal desportivo argentino Olé, tudo aconteceu no anfiteatro José Asunción Flores, durante o festival Ja´umina Fest. A mesma publicação refere ainda que não são conhecidas as causas que motivaram o tiroteio.

 

Cristina Aranda foi atingida com um tiro na cabeça e terá chegado ao Hospital Nacional de Itaguá com um «prognóstico reservado». A segunda vítima mortal terá sido um homem, segundo as testemunhas presentes no local.

 

Entre os feridos, os quais sofreram ferimentos de bala e foram também hospitalizados, está Victor Salazar (companheiro de Iván Torres no Olimpia) e a sua mulher, os quais acompanhavam o casal.

 

O Olimpia recorreu ao Twitter para se manifestar solidário com os seus atletas.

 

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias

Mundos