Tinoco e Correia à beira de mais medalhas nos Europeus de Pool

Bilhar 05-12-2021 20:12
Por António Barroso

Os portugueses Henrique Correia (Académica de Coimbra) e Jorge Tinoco (P. Ferreira) estão a duas vitórias de garantir mais medalhas para Portugal nos Campeonatos da Europa de Pool de Seniores (jogadores com mais de 40 anos), prova organizada pela European Pocket Billiards Federation (EBPF) e que irá terminar segunda-feira em Treviso (Itália), após ambos garantirem a presença nos oitavos de final do concurso individual da disciplina de ‘Bola 9’.

 

Henrique Correia começou o dia a vencer o croata Matija Veric por 8-3, resultado que repetiu para suplantar o sueco Jarmo Talvern. No terceiro jogo do dia, o vianense, atleta da Académica de Coimbra, bateu mais um sueco, Tom Eksell, por 8-2, e conseguiu o apuramento para os 16avos de final, onde defrontou um terceiro sueco de rajada este domingo, Roger Akerblom, já ao cair da noite.

 

Novo triunfo expressivo (8-3) selou o apuramento de Henrique Correia para os oitavos de final – após quatro vitórias em quatro jogos este domingo -, onde irá defrontar, na manhã de segunda-feira (9 horas em Portugal continental) o suíço Murat Ayas. Em caso de vitória, seguem-se os ‘quartos’ frente ao vencedor do duelo entre o norueguês Didrik Vatne e o italiano Gianluca Boni (10.45 horas em Lisboa).

 

Quanto a Jorge Tinoco – campeão europeu em ‘Straight Pool’ e por Equipas, com Henrique Correia e Manuel Pereira a completarem a seleção de Portugal - continua a ter terceiro pódio e terceiro (em cinco provas, registe-se) na mira.

 

Tinoco levou a melhor ante o alemão Steffen Gross (8-5) e o austríaco Markus Weichhart (8-3) e, já no quadro final de 32 jogadores (dos 75 que iniciaram o concurso individual de ‘Bola 9’) fechou o dia a bater por 8-6 o neerlandês Rene Peeters, nos ‘16avos’.

 

O lisboeta, de 44 anos, radicado há 33 anos em Lagos, defronta nos oitavos de final, segunda-feira, dia 6 do corrente mês – e último destes Europeus – o sueco Mahmut Mutto (9 horas em Portugal continental).

 

Em caso de vitória, já sabe que, logo após (10.45 horas de Lisboa), terá pela frente, nos ‘quartos’ de final, em que a vitória já garantirá, tal como a Henrique Correia, no mínimo medalha de bronze (além das meias-finais) o vencedor do duelo entre Panayiotis Petrou (Chipre do Norte) e o belga Tom Dhaeseleer.

 

Caso vençam, Jorge Tinoco e/ou Henrique Correia podem estar nas ‘meias’ (12.30 horas em Portugal continental) e final de ‘Bola 9’ (14 horas em Lisboa).

 

Eliminado este dia 5 foi Manuel Pereira (Académica de Coimbra), e já se despediu dos Europeus. Começou o dia com um desaire na ‘negra’ (7-8) ante o sueco Mahmut Mutto, mas um triunfo por 8-5 sobre o alemão Timo Hofmann permitiu-lhe continuar em prova. Seguiu-se o austríaco Michael Stark e também caiu às mãos do português (8-6), que assim se qualificou para os 16avos de final, onde perdeu 4-8 diante do espanhol Francisco Diaz-Pizarro.

 

Alexandra Cunha a uma vitória de segunda medalha

 

Na prova feminina, a anglo-portuguesa Alexandra Cunha – emigrante em Norwich e a competir sob bandeira da Grã-Bretanha – começou o dia com um desaire (2-6) com a norueguesa Ine Helvik. Depois venceu a francesa Nathalie Rohmer (6-0) e a finlandesa Tuuliina Panula, esta última por 6-4.

 

Alexandra disputa os ‘quartos’, já para medalha na ‘Bola 9’ – não há jogo de 3.º e 4.º lugares, chegar às ‘meias’ garante no mínimo bronze – na segunda-feira (10 horas locais, menos uma em Portugal continental) com a italiana Cristina Moscetti. Caso vença, há ‘meias’ às 13.30 horas e a final às 15 horas locais (menos uma hora em Portugal continental).

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias