«O que faz a diferença na Fórmula 1 são os carros que conduzem»

Fórmula 1 29-11-2021 20:01
Por Redação

O presidente da FIA, Jean Todt, admite que os pilotos da Fórmula 1 têm enorme talento, mas aquilo que realmente os separa é a qualidade do monolugar que conduzem.

 

«Os pilotos que estão no Mundial são muito talentosos. Talvez dois ou três tenham um pouco mais de faísca, mas o que faz a grande diferença é o carro que eles dirigem. Já vimos isso. Com Michael Schumacher, quando ele veio para a Ferrari em 1996, ele tinha sido campeão mundial em 1994 e 1995. Em 1996 ele venceu três Grande Prémios, longe de ser campeão mundial. Já vimos isso com muitos outros pilotos. Fernando Alonso é um piloto excecional, mas hoje não tem um carro que lhe permita vencer», realçou o dirigente em declarações beIN SPORTS.

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias